Remo 1×1 Bragantino (Pablo Roberto)
Remo 1×1 Bragantino (Pablo Roberto)

Conforme análise do treinador Marcelo Cabo ao final do amistoso contra o Bragantino, no sábado (21/01), o Remo poderia ter tido um melhor resultado no gramado se tivesse aproveitado chances de liquidar a fatura ao desperdiçar, no mínimo, 3 boas chances na etapa inicial.

A falta de capricho no toque final, por sinal, tem chamado atenção dos próprios jogadores neste começo de temporada, mesmo em jogos amistosos, situações em que os jogadores deveriam jogar mais soltos, sem tanta pressão, em comparativo a compromissos oficiais.

A preocupação ganhou um grau maior de avaliação devido à limitação ofensiva aparecer justamente diante de equipes que vão disputar o Campeonato Paraense deste ano e em jogos realizados como mandante, dentro do Baenão, ao ter que correr atrás do placar, como foi contra o Caeté, ou ceder o resultado, a exemplo do jogo contra o Bragantino.

O volante Pablo Roberto, que na partida contra o Tubarão obteve um bom desempenho individual, atuando mais como um meia, fez questão de demonstrar consciência sobre o péssimo aproveitamento no arremate.

“A gente está criando bastante, estamos mostrando gás, colocando ritmo de jogo, mas é detalhe. Temos que finalizar mais. Estamos chegando bem e, com alguns ajustes, vamos fazer gols. Temos que criar para fazer gols. A gente tem que ser um time que determina como o jogo deve ser”, definiu o atleta.

Diário do Pará, 25/01/2023

3 COMENTÁRIOS

  1. O mal do torcedor e que quer cobrar o time agora ainda n começou o campeonato o time tem q acerta os gols sim mas acho cedo de mais pra cobrar isso e coisa de torcedor de rádio n quero jogador se machuque em amistoso pra quando chegar no campeonato n mostrar jogo será q o torcedor n vê isso será q e um bando de burro.
    Só vejo crítica velho tá mordido n assisti o jogo do remo vai procurar oq fazer invés de levantar o time quer criticar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor informe seu comentário!
Por favor informe seu nome aqui