Antônio Carlos Teixeira, Thiago Gasparino e Fábio Bentes
Antônio Carlos Teixeira, Thiago Gasparino e Fábio Bentes

Thiago Gasparino foi apresentado oficialmente, nesta quarta-feira (07/12), como executivo de futebol do Remo. Sua contratação foi anunciada pelo clube no dia 09/11 e, desde então, ele vinha participando da montagem do elenco de forma remota.

“É com muita alegria que estou sendo apresentado de forma oficial. Quero agradecer ao presidente e seus pares por tudo o que passamos em negociações nesses últimos dias, para que pudéssemos chegar a um acordo. As partes tiveram paciência e chegaram em um acordo, respeitaram o tempo de cada um e estou muito motivado para realizar esse trabalho”, declarou.

O Leão já fez 12 contratações para 2023 e, segundo Gasparino, o plantel do time remista está completo para o início de temporada. O novo executivo azulino destacou que está satisfeito com os atletas que vão compor a equipe no ano que vem.

“Ele é feito em várias mãos. Desde a minha primeira conversa com o presidente, já sabíamos da grandeza do clube e do passado recente. Temos um grande desafio em 2023. O planejamento foi bem executado e nosso elenco, a princípio, está finalizado com a contratação dos atacantes Muriqui e Fabinho”, disse.

“Vamos dar início à pré-temporada no dia 12/12 e estamos felizes com o que foi construído desse planejamento. Atletas escolhidos à dedo, com o perfil e a grandeza que cabem ao clube, para conquistar os nossos objetivos. Sabemos que os primeiros campeonatos serão o Estadual, Copa do Brasil e Copa Verde. A Série C vamos pensar ao longo dessas competições”, falou o executivo.

“Estamos muito satisfeitos com o perfil de atletas, mas se precisar fazer alguns ajustes, vamos fazer, pois é normal no futebol”, comentou Thiago Gasparino.

“São todos atletas que performaram na última temporada. Não há nenhum deles com menos de 20 jogos disputados. Tem atletas de 33 anos com 45 jogos na temporada. Adotamos critérios para fazer as contratações nos aspectos físicos, técnicos, táticos, mental, versatilidade e características na posição. Estamos muito convictos e esperançosos para realizar um grande trabalho aqui no Remo”, apontou.

Gasparino também respondeu sobre a situação do goleiro Vinícius, ídolo do clube, mas que terminou a temporada em baixa, perdendo o posto de titular na reta final da Série C. O jogador interessa à Tuna, do técnico Josué Teixeira, responsável por sua vinda ao Baenão, em 2017.

“Vinícius tem contrato. Ainda não conversei com ele, porque cheguei essa semana. Estou conhecendo toda a estrutura do clube, os profissionais e todas as áreas. Sabemos da importância dele no elenco e para a instituição”, disse.

O executivo elogiou a decisão da diretoria azulina em relação a escolha do técnico Marcelo Cabo para comandar o time em 2023.

“Temos que dar os parabéns para o presidente, em relação à vinda do Marcelo (Cabo). Acredito que um clube do tamanho do Remo requer um comandante com a mesma envergadura e bons trabalhos, como é o Marcelo Cabo. Fiquei muito feliz com a escolha. Ele chegou antes do meu acerto e tem uma experiência no futebol brasileiro que todos conhecem, realizou grandes trabalhos por onde passou e aqui não será diferente. Estamos em contato constante, já projetando tudo o que temos para executar na chegada dos atletas. Agora é colocar a mão na massa, porque sabemos das nossas obrigações, objetivos e responsabilidades para esta temporada”, declarou.

Thiago Gasparino não escondeu a felicidade com que encara o desafio que terá pela frente no Leão.

“Encaro todas as oportunidades como a chance da minha vida. Foi assim na minha carreira como atleta e agora na carreira como gestor, na gestão do futebol. Muitas pessoas se apegam à nomenclatura dentro do organograma. Já venho desde o Athletico (PR) executando com a diretoria de futebol, fazendo parte de toda a estratégia de futebol. Muitos acham que o executivo só contrata, mas não é. É fazer a gestão de todas as áreas dentro do clube, fazer um ambiente onde todas as áreas se falem o tempo inteiro, que a comunicação seja o mais leve possível, e que a gente possa tomar as melhores decisões em prol do clube. Encaro isso aqui como a chance da minha vida, sim, pois sei onde o Clube do Remo quer chegar e o clube tendo as vitórias, a gente conquista os objetivos em conjunto, o que é bom para todo mundo”, avaliou.

“Nesses poucos dias, deu para perceber que o clube vem em uma crescente muito grande, tem um Departamento Médico de performance que é referência. Posso dizer isso porque já passei por outros clubes e o que encontrei aqui é algo que bate com o que escutei lá fora. Ainda estou conhecendo outras áreas, ainda vou no CT, tenho uma visita programada. Dentro da estrutura que temos hoje, o Remo não deve nada para clube nenhum. Agora vamos colocar o trabalho em execução para que tenhamos sucesso na próxima temporada”, encerrou.

O elenco do Remo se apresenta nesta segunda-feira (12/12), no Centro de Treinamento do clube, em Outeiro. O Leão se prepara a para disputa do Campeonato Paraense, que será o primeiro desafio do time na temporada, a partir de janeiro.

Globo Esporte.com, 07/12/2022

1 COMENTÁRIO

  1. Assim esperamos,precisamos ganhar TUDO em 2023,Paraense,Copa Verde,chegar a semi final na Copa do Brasil ,Campeao serie C e acesso a série B e por aí vai…..

Comments are closed.