Eduardo Ramos
Eduardo Ramos

A crise de criatividade que se abateu sobre o Remo desde a derrota para o São José (RS), há 5 rodadas, minando a boa pontuação do primeiro turno, obrigou o técnico Márcio Fernandes a executar as mudanças que ele mesmo chegou a projetar, logo após o empate diante do Luverdense (MT), no sábado (13/07).

O Leão vai para o jogo contra o Ypiranga (RS), nesta sexta-feira (19/07), com um time completamente modificado, em parte por força de suspensões (Fredson, Emerson Carioca e Daniel Vançan) ou lesões (Rafael Jensen).

Por conta disso, o zagueiro Mimica volta ao time depois de um longo período de inatividade, iniciado no primeiro Re-Pa da temporada, ainda valendo pelo Campeonato Paraense. Outro retorno é o do lateral-esquerdo Ronaell. Gabriel Cassimiro é a estreia confirmada na lateral-direita.

No meio-campo, onde se localiza a maior dificuldade criativa, Fernandes deve optar por uma formação diferenciada, que pode propiciar a utilização de um falso centroavante. Guilherme Garré deve ser o parceiro de Yuri, Ramires e Eduardo Ramos, tendo na frente Gustavo Ramos e, provavelmente, Alex Sandro.

A novidade pode ser a utilização de Eduardo Ramos como um atacante-surpresa, aproveitando a facilidade que ele tem para a finalização dentro da área. O gol marcado contra o Luverdense (MT) confirma essa virtude, que anda escassa entre os avançados à disposição do técnico azulino.

Como Marcão Assis está com um incômodo na perna, é provável que não entre de cara no jogo. Independentemente disso, sua presença no último jogo desaconselha a manutenção como titular, a não ser que o Remo produza jogadas adequadas para as características do centroavante.

O fato é que, com Eduardo Ramos avançado ou não, o Remo está formatado para fazer um jogo de espera, explorando o contragolpe, que deve ficar a cargo de Alex Sandro e Gustavo Ramos (ou Danillo Bala).

São apostas e desenhos que Márcio Fernandes precisa tirar da cartola para tentar fugir à mesmice e recolocar o time no caminho das vitórias.

Blog do Gerson Nogueira, 18/07/2019

7 COMENTÁRIOS

  1. Porque que não levou o novo atacante e leva esse Marcão batido se bom já não presta faz ideia meia boca a treinador teimoso …e coisas de remo mesmo qdo vai chegando pra decidir…começa a cair..tomara que crie vergonha e jogue garra e determinação ..e saia vencedor que já está passando da hora ganhar uma.fTo

  2. vai entender esse treinador leva esse Marcão bichado e deixa o Ighor de fora, vai precisar de muita marcação o cara é novo
    .

  3. Pow, se tem um novo centroavante obrigatoriamente ele deveria estar ao menos no banco para ter a oportunidade de mostrar que tem o seu valor. Agora é um grande erro o técnico levar um centroavante que ainda não demonstrou para que veio, mesmo tendo oportunidades de ouro, contrariando a fenômeno azul, principalmente estando “bichado”. Isso é pedir pra torcida cobrar a “degola” de sua cabeça no clube.

  4. Esse treinador ta de brincadeira já vai sair nao sabe escalar e ainda troca errado brincadeira!!!!!

Comments are closed.