Del Filho, Ricardo Gluck Paul e André Cavalcante
Del Filho, Ricardo Gluck Paul e André Cavalcante

Após a suspensão do início do Campeonato Paraense por decisão do STJD, o presidente da Federação Paraense de Futebol (FPF), Ricardo Gluck Paul, afirmou que a entidade trabalha para que a competição finalmente seja iniciada em até 2 semanas.

Segundo Gluck Paul, existem dois cenários para a volta do Parazão. O primeiro é de que o campeonato comece no próximo final de semana, com a 1ª rodada sendo realizada nos dias 28/01 e 29/01. O outro cenário é o retorno na semana seguinte, com a rodada ocorrendo no dias 04/02 e 05/02.

A definição dependeria do julgamento no Tribunal de Justiça Desportiva do Pará (TJD-PA) do caso envolvendo os jogadores Hatos e Guga, que estavam jogando em Bragantino e Águia de Marabá, respectivamente, no Parazão de 2022.

A paralisação do torneio foi um pedido do Paragominas que, rebaixado na edição passada do Estadual, pleiteia o retorno à elite do torneio alegando irregularidades no registro dos jogadores citados.

A primeira data prevista para ocorrer o julgamento seria esta quinta-feira (26/01). No segundo cenário, o julgamento ocorreria somente no dia 02/02, salvo ocorra o agendamento de uma sessão do TJD-PA em uma data diferente destas, em caráter de urgência.

“É trabalhar para que haja celeridade no julgamento do caso, para que a gente possa liberar o campeonato o quanto antes. Nosso jurídico está envolvido para que tenha o julgamento o mais rápido possível”, disse Gluck Paul.

“Trabalhamos com dois cenários: do campeonato voltar já na próxima semana, se conseguirmos o julgamento ocorrer já na próxima quinta-feira (26/01); ou o outro cenário seria daqui a 2 semanas”, continuou.

“Caso o julgamento não tenha tempo hábil para ser realizado na quinta-feira (26/01), existe a possibilidade da gente não retornar na próxima semana. Vamos trabalhar fortemente para que acontece na próxima semana. Outro cenário alternativo é daqui a 2 semanas”, explicou o dirigente.

“Lamentamos muito, mas decisão a gente cumpre e essa será cumprida. Que esse imbróglio seja revolvido o mais rápido possível”, encerrou Ricardo Gluck Paul, que está na Colômbia chefiando a delegação da Seleção Brasileira no Sul-Americano Sub-20.

Roma News, 20/01/2023

5 COMENTÁRIOS

  1. Lambança da federação, oportunismo do rebaixado Paragominas. Agora coloca-se um declarado torcedor da mucura a federação, esperar competência desse presidente pífio, aí é duro.

  2. Tá explicado a jogada é isso aí!
    Nojento presidente dessa FPF Mucurento, nosso futebol na mão desses homens é mesma coisa que nosso Brasil na mão desse lula ladrão e sua turma de desonesto!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor informe seu comentário!
Por favor informe seu nome aqui