Paysandu 0×1 Remo (Felipe Gedoz)
Paysandu 0×1 Remo (Felipe Gedoz)

O meia Felipe Gedoz, ex-Athletico (PR) e hoje no Remo, garantiu o acesso antecipado à Série B 2021 com a vitória no clássico contra o Paysandu por 1 a 0 e com o empate entre Londrina (PR) e Ypiranga (RS).

A equipe do Remo conquistou a vaga com uma rodada de antecedência, após 13 anos fora da Série B nacional, tendo ainda a possibilidade de chegar à final da Série C em caso de empate na última partida do quadrangular, contra o Londrina (PR), no Mangueirão.

“Não tem sensação melhor do que vencer um clássico. Esse domingo (10/01) foi muito especial para nós e todos os torcedores do Remo. Fizemos história! Depois de 13 anos, garantimos a vaga do clube na Série B na próxima temporada”, disse o meia.

“Vestimos essa camisa com muito orgulho e agora vamos brigar pelo título! Agradeço a diretoria, comissão técnica, aos companheiros de elenco e a essa torcida linda! Um time merecedor colhe os bons frutos”, completou.

Gedoz chegou ao Remo para disputar a fase final da competição após passagem pelo Nacional (Uruguai). Pelo time paraense, são 9 partidas, sendo 8 delas no time titular, somando ao todo 597 minutos jogados e 1 assistência concedida.

O meia marcou seu nome na história azulina quando, no lance do gol da vitória no Re-Pa, o camisa 93 deu início à jogada e finalizou com força, forçando o goleiro bicolor a dar o rebote que o atacante Salatiel completou para as redes.

O Leão volta a campo neste sábado (16/01), a partir das 17h, para enfrentar o Londrina (PR), no Mangueirão. O jogo é válido pela 6ª rodada do quadrangular do acesso na Série C e terá transmissão ao vivo e exclusiva pela DAZN. Clique aqui para fazer sua assinatura agora e ganhe 30 dias grátis.

Lance!, 12/01/2021

5 COMENTÁRIOS

  1. Fez sua melhor partida, mostrou ótimo preparo físico. Se tivesse tido um pouco de calma, teria matado o jogo em lance de contra-ataque, mas chutou de fora da área, que é sua característica. Mas parabéns pela partida.

  2. Eu havia dito que o goleiro da Mucura era “mão ensaboada”, que chutando em cima dele ou ele frangaria ou rebateria e alguém teria de aproveitar o rebote. Aconteceu, Gedoz chutou forte, o goleiro rebateu e Salatiel salgou a Mucura. Agora é treinar pra decidir o título com o Brusque (o mais provável) ou com o Vila Nova. A fórmula é estudar o adversário e aproveitar as falhas, jogando pelas pontas ou chutando certeiro pelo meio, sem descuidar da zaga. Todos com a mesma “vontade de poder”, ou seja, jogar com raça e vontade de vencer.

  3. Um ótimo nome para ser mantido para série B. Na minha opinião ficariam:
    Vinicius, Marlon, Dudu, Luz, Fredson, Jensen, Lucas Siqueira, Helio, Wallace, Augusto, Salatiel, Tcharles, Gedoz e Carlos Alberto

    Dispensados de imediato: Gelson, Ruchel, Charles, Alemão, Mimica, Ermel, Eron, João Diogo

  4. Eron não teve tempo de deminstrar seu verdadeiro futebol. prematuro dispensa lo.
    Nada foi falado no comentário acima sobre Eduardo Ramos

Comentários