Felipe Gedoz
Felipe Gedoz

Em 2 partidas consecutivas como visitante, o saldo do Clube do Remo pela Série B do Campeonato Brasileiro foi péssimo. Dos 6 pontos disputados, a equipe azulina não conseguiu beliscar nada.

As derrotas para Londrina (SC) e Avaí (SC), contudo, não abalaram o emocional dos jogadores e comissão técnica. Na realidade, segundo os líderes da equipe, os resultados negativos servirão como fatores extras para que o time reencontre a boa fase e engate, mais uma vez, uma sequência vitoriosa, algo que, ao menos em tese, o Leão terá chance para pôr em prática a partir deste final de semana.

No domingo (01/08), os azulinos farão o primeiro de 2 compromissos como mandante, frente ao CSA (AL), no estádio Baenão, a partir das 18h15.

A partida será um encontro direto na busca pelo “elevador” na tabela, já que os alagoanos estão uma posição acima, na 12ª colocação, com 2 pontos de vantagem para os remistas.

Os azulinos esperam usar como base as partidas passadas para ajustar as falhas em campo. O meia-atacante Felipe Gedoz deu a sua visão, tanto em cima de projeções como na apresentação mais recente do time.

“Acho que começamos um pouco abaixo (contra o Avaí-SC). Estávamos meio apagados no jogo, mas depois impomos o ritmo e fomos superiores. Infelizmente, no segundo tempo, uma jogada que para mim não foi pênalti, definiu (o resultado), mas isso não cabe a nós jogadores contestar”, disse o camisa 10.

“Perdemos mais uma vez em bola parada, mas não podemos abaixar a cabeça porque estamos vivos para seguir no caminho das vitórias”, destacou.

O meia azulino fez questão de ratificar a confiança para a sequência do time na competição e, assim como os adversários, fazer valer o fator casa para repetir o momento vitorioso recente e espantar, novamente, qualquer sinal de crise.

“Dentro de casa temos que ser mais fortes que nunca, temos que impor o ritmo porque somos mandantes. Nossa equipe vem bem, não são esses resultados que vão abalar o nosso meio. São 2 jogos em casa para embalar e seguir firme na competição”, afirmou Gedoz.

Diário do Pará, 30/07/2021

4 COMENTÁRIOS

  1. Vcs nem de bola parada sabem fazer gols,vao treinar cruzamentos e jogadas ensaiadas!!!

  2. Oh diretoria mole,nao esta vendo que esse time e fraco,nao sei o que estao esperando pra contratar jogadores que sejam mais qualifidados pra serie B, neste caminho,o time vai e cair…eu vejo todos os outros times contratando,so o Remo que essa moleza…elenco fraco e esse tecnico tambem!!!

  3. quem tem um uxoua não precisa de jogador e so passar bolas para o inimigo não consegue dar um passe perfeito manda este mucura , de volta que foi plantado no meio do nosso LEÃO chega de UXOUA erra passe a 3 metros errrado, .
    infelezmente o remo precisa jogadores de qualidade o R33 mesmo cansado da uma surra nestes pernas de pau a maioria dos clubes tem sempre um jogador acima da Idade os nossos não consegue jogar 45 minutos ja esão se arrastando em campo quando consegue erra passes tem que avisar la eles que que a meta do inimigo e ao lado opsso ao do nosso VINICIUS que esta sendo bolas retornado e entrega a bola passas longos maioria destes lançamentos ja vai Direto para os jogadores do clube oposto ai o VINICIUS PASSA A SER ZAGUEIRO PORQUE O NOSSO DEVOLVE A BOLA PARA O INIMIGO vamos continuar atravessando e o inimigo so APROVEITANDO.. AGORA NÃO VAI TER DESCULPAS E SANGUE NOS OLHOS GARRA SO VITORA

  4. Tem um bando de torcedores tecnicuuu. Vamos torcer de verdade, parem de criticar vamos apoiar o time. Vai Leão eu acredito em vocês.

Comments are closed.