Baenão
Baenão

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) enviou um ofício às Federações Estaduais abordando a volta do público aos estádios. A ideia da entidade máxima do futebol brasileiro é ter os torcedores de volta às arquibancadas ainda neste segundo semestre de 2021 e a primeira parte deste planejamento são as tratativas das Federações com os gestões estaduais e municipais.

No documento, assinado pelo presidente interino da CBF, Antônio Carlos Nunes, a entidade disse que só será possível haver um avanço na “iniciativa” se os governos locais aprovarem a ideia. A partir disso, a CBF, por meio da Diretoria de Competições e da Comissão de Médicos, vai dar sequência ao “processo”.

O vice-presidente da Federação Paraense de Futebol (FPFP), Maurício Bororó, revelou que já está sendo elaborado um documento com recomendações a serem seguidas para viabilizar este retorno dos torcedores aos estádios do Pará, mas que ainda não há uma data definida para a reunião com o Governador Helder Barbalho e com o Prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues.

Desde abril, a CBF já vem tratando internamente da possibilidade de ter os torcedores nos estádios a partir do segundo semestre. Naquele momento, a ideia inicial da entidade era ter, pelo menos, 30% da capacidade dos estádios liberadas.

Dentro dessa linha, o Remo poderia ter cerca de 4.500 torcedores por jogo, no Baenão, durante a sequência da Série B.

Roma News, 21/07/2021

7 COMENTÁRIOS

  1. Até que enfim está chegando o momento em que o Baenão poderá receber um Público correspondente a 30% de sua capacidade, a questão é que a quantidade de ´sócio torcedor adimplente deverá acompanhar a capacidade disponível no momento, ou seja os 30% do Baenão comporta 4.500 sócio torcedor adimplente, sendo assim vai começar a corrida para a adimplência porque quem for adimplente terá preferência na compra do bilhete e a sobra ficará para os que ainda não são adimplentes, eu estimo que apenas 1.000 ingressos poderão sobrar para os não adimplente e outros, uma questão difícil para definir a melhor forma de administrar.

  2. Ainda acho muito difícil a liberação do público nesse campeonato de 2021. A necessidade de autorizações em todos os Estados complica a decisão.

  3. Alô REMO 100%, tens informações sobre a quantidade atual de SÓCIOS-TORCEDORES no Nação Azul?

    O site do programa não apresenta mais esse quantitativo de ST adimplentes. Aliás, o site não informa coisa alguma. Na área privativa do torcedor, só aparece a situação do pagamento.

    O pessoal do programa não tem interesse em cativar os sócios. Não apresenta atrativo algum aos participantes.

Comentários