Avaí-SC 1×0 Remo (Arthur)
Avaí-SC 1×0 Remo (Arthur)

Após a derrota por 1 a 0 para o Avaí (SC), no estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC), o técnico Felipe Conceição disse que o Remo precisa levantar a cabeça. Segundo o técnico azulino, o time jogou bem, voltando a apresentar um padrão de jogo.

“Voltamos a jogar dentro do padrão que apresentamos desde a partida contra o Vila Nova (GO). Tivemos controle da partida, tivemos posse de bola, conseguimos atacar o adversário e administramos bem a questão defensiva. Tanto que o Vinícius não teve o 1 contra 1, algo que aconteceu contra o Londrina (PR)“, apontou.

“Não é fácil (perder 2 jogos fora de casa), mas vamos levantar a cabeça e buscar 2 vitórias em casa. É isso que vamos fazer”, apontou.

“A equipe se portou bem a maior parte do tempo. No início do jogo, o time do Avaí (SC) criou um volume maior e assustou, mas depois fomos controlando, tanto que no momento do gol estávamos melhor, mas infelizmente aconteceu. Agora é trabalhar e evoluir a equipe para pontuar em casa”, analisou o técnico do Remo.

“Faltou agressividade no último terço, porque com o volume e controle que teve no jogo, principalmente no segundo tempo, a gente tem que criar mais situações de gol e fazer os gols na partida. Isso que faltou”, disse.

Felipe Conceição ainda falou sobre os jogadores que iniciaram como titulares – o volante Arthur, que ganhou a oportunidade de iniciar a partida, além do meia-atacante Matheus Oliveira, que estreou com a camisa azulina.

“Arthur e Matheus entraram bem. No decorrer da partida, a gente gosta de ter o ritmo maior e busca fazer as alterações de acordo com o jogo e eles me agradaram. Estou mais de um mês e conhecendo o elenco. Com isso, vou acertando a escalação”, comentou.

O Liberal.com, 28/07/2021

14 COMENTÁRIOS

  1. Sei que pra esse próximo jogo não vai ter muito tempo pra treinar, porém, para o jogo contra o operário vai ter cinco dias pra treinamento, espero que o senhor professor dê mais ênfase aos treinos em dois períodos e de preferência a parte física, pois não estão fluindo as jogadas pq nosso time não se movimenta pra receber a bola, pra ter movimentação se necessita de preparo físico, coisa que nosso time não tem, e mais o principal fundamento do futebol o nosso time tá pecando demais, nossos passes estão uma vergonha, prova é que o Erick Flores era pra passar a bola e foi querer driblar e resultou no pênalti que decidiu a partida!

  2. Concordo com a leitura do Conceição, o time do Remo jogou bem dentro da estratégia proposta para esse jogo fora de casa contra um adversário que tem um time superior, mas o Remo soube controlar o jogo mesmo os avaianos sendo mais agressivos (bateram muito), além de ter sido prejudicado com um pênalti mal marcado por “interpretação” do juiz.

    Mas o Conceição tem que ficar mais esperto em suas escolhas, pois Dioguinho baladeiro é reforço para o adversário e Gorne é jogar com menos um, ou seja, com Dioguinho da balada e Gorne jogando juntos é como o adversário jogar com 12 jogadores e o Remo com 9, aí fica difícil vencer.

  3. Torcedor azulino, já está definido o objetivo do clube que é brigar na parte de baixo da tabela. Resultados assim vão aparecer e muito, então já sabemos que este ano teremos muitas decepções, muitos insucessos. Só espero que no final nos entreguem o clube na série b.

  4. Hoje tudo é campo neutro, dizer que jogar em casa tem vantagem é querer relativizar. O Remo em casa ou fora tem buscar sempre a vitória, não pode ficar na defensiva sempre e jogar por um bola, água mole em pedra dura de tanto bater fura.

  5. Tem que se conformar e não cair. Falta centro avante. Falta elenco ainda

  6. E o roubo continua, o cara fez falta sem bola no Felipe Gedoz e como ele ia receber o segundo cartão amarelo o juiz deu somente falta, e se o lance do pênalti fosse no braço do jogador do Avaí ele não marcaria pênalti. Minha opinião.

  7. ñ sei se é treinador quê pede pro lateral igor Fernandes ñ i na linha de frente cruzar a bola.porque olateral ruimmmm pqp .só joga em baixo. jogadores quê remo tem quê mandar embora alace .gornes igo fernandes .alace ja teve várias oportunidades ñ deu em nada. tem quê trazer um centroavante presidente vc falou a coisa errada em fala que queria se manter na série B isso é pensamento de time pequeno pra simanter tem quê pelo menos ter um time competitivo olha time do sampaio time bom e barato o jogador que ganha mais ganha 55.000.sera que quem acompanha.vc presidente são cegos que não ver esses jogadores.

  8. Corcordo c vc Ricardo e torcer p nao cair, acho que temos um time p permanecer na serie B.Agora tem que aver mudanças esse IGOR FERNANDES tem que ir p banco,WALLLACE e GORNE nao tem condiçoes nem de compor o elenco.Sera que so a torcida ver essas coisas

  9. Podemos ter uma ideia de como será o próximo duelo contra o CSA , basta analisar o ultimo duelo muito recente entre os dois quando deu empate em 1X1 e o Leão seguiu em frente na Copa do Brasil porque na decisão por tiro direto na marca de pênaltis o Leão venceu. Os dois Times tem a mesma pegada tem proposta de jogo parecidas e estão adjacentes na classificação o Leão é o 13º e o CSA é o 12º. O Professor Felipe Conceição pode aumentar a pegada do Leão e o Remo vencerá. Os craques do leão devem seguir as orientações do Professor.

  10. Com ou sem centroavante o Remo tem que jogar com dois atacantes, um entrando de cada lado da grande área, ou seja, Lucas Tocantins e Victor Andrade, um cruza e o outro arremata. Se a bola vier pela direita, quem tiver na esquerda faz o papel de centroavante e vice versa. Chega desse cisca cisca que não leva a lugar nenhum. Agora, a diretoria tem que se mancar e contratar um volante marcador, um lateral esquerdo e um centroavante porque o Lucas Tocantins tem canela de vidro e não dá pra jogar todas as fichas nele.

  11. O remo voltou a jogar sem chutar no gol!

    O Andrade parado na esquerda não está dando certo estava muito melhor quando tinha liberdade para flutuar!

    Uchoa não joga nada banco,banco,Banco!!

    Igor fraco d+ muito lento para um lateral!

    Arthur não jogou bem nesses 2 jogos o Siqueira está fazendo dá o d+

  12. Acho que o time do Remo tem que voltar para escola do professor Raimundo, aprender fazer bem o feijão com arroz, tipo, saber chutar, matar a bola, fazer passe correto, cabecear direito, analizar o ambiente para escolher a melhor jogada, o nome do esporte futebol, jogar com bola para fazer gol e não chutar ou bater na bola de qualquer jeito e torcer que ela entre no gol. Não adianta treinar estratégia e ficar bom nisto se não sabe o que fazer com a bola para conseguir isto Se você quer progredir tem que ter objetividade, produtividade, fazer as coisas o mais rápido possível e com menos esforço.

  13. O time do Remo está sendo vítima de uma enxurrada de roubalheira dos juízes e bandeirinhas que apitam o jogo do Leão. A CBF quer rebaixar o único time do norte para que seus apadrinhados do Sul e sudeste não se submetam a longas viagens desgastantes.

Comments are closed.