Remo 6x1 Atlético-AC (Rony)
Remo 6x1 Atlético-AC (Rony)

Há 1 ano e 46 dias, o menino Rony, então com 18 anos, assinou a sua 2ª e última súmula como atleta profissional, dia 29/09/2019, em um Re-Pa da Copa Verde.

Desde então, ele entrou em uma batalha jurídica, seduzido por R$ 10 mil na mão e várias possibilidades (“promessas”) para a carreira, com desvinculação do Remo na Justiça do Trabalho, por atraso de salários.

O plano deu errado e Rony já tem motivos de sobra para arrependimento. Nessa briga, todos estão perdendo.

Ao saber da ação jurídica, o Remo depositou em Juízo o que devia e construiu uma tese de defesa. Rony até conseguiu a quebra do vínculo e foi registrado no São Caetano (SP), mas sem poder ser aproveitado, pois o Remo recorreu.

O presidente Fábio Bentes disse que o Leão irá às últimas instâncias e já não tem mais interesse na volta do atleta.

“A luta agora é por indenização”, arrematou Bentes.

Nas vezes anteriores em que o assunto foi comentado, a empresa que o tirou do Remo logo se pronunciou. Desta vez, está preferindo o silêncio. A carreira do promissor lateral-direito está tomada de incertezas e ameaçada de não prosseguir.

Condicionamento físico

Casos frequentes de alta fadiga muscular e lesões no futebol são efeitos da quarentena. Os quase 4 meses sem treinos nos clubes implicaram em perdas de massa muscular.

Como agravante, uma maratona intensa de jogos na retomada, sem a devida preparação. A conta teria que chegar.

A avaliação física de Felipe Gedoz mostrou o atleta em condições compatíveis para um quadro pós-Covid e falta de sequência de jogos. A projeção no Remo é o meia que chega às suas condições fisiológicas ideais em 2 semanas.

O Leão volta a campo nesta segunda-feira (23/11), às 20h, para enfrentar o Botafogo (PB), no estádio Almeidão, em João Pessoa (PB). O jogo é válido pela 16ª rodada da Série C e terá transmissão ao vivo e exclusiva pela DAZN. Clique aqui para fazer sua assinatura agora e ganhe 30 dias grátis.

Coluna de Carlos Ferreira, O Liberal, 15/11/2020

17 COMENTÁRIOS

  1. Isso é papo furado, desculpa.. O cara não faz os exames antes de fechar contrato? O certo é que o Clube do Remo, errou em deixar ele bater o pênalti, cara recém chegado sem treinar sem ritmo de jogo sem entrosamento. Se faz o gol, a história ia ser outra faltou e competência e mais responsabilidade e moral de não deixar bater o pênalti. Isso que dar babar ovo pra quem chega novato, pensa que é o salvador da pátria e que o Remo estaria desesperado.

    • Não é bem assim… A despeito de ter perdido um pênalti (e no rebote a bola veio rodando e desviou pro lado quando tocou na grama), o Gedoz demonstrou qualidade quando entrou ali no meio de campo do Remo. E olha que está desentrosado ainda. Não vamos começar a pegar no pé do cara por uma primeira impressão equivocada. Torcida nojenta, enjoada e burra essa do Remo. Pqp!

      • Concordo totalmente, ele deu qualidade no meio de campo, sem entrosamento e ritimo de jogo, ele e o Júlio rusck entraram mt bem com excelentes passes longos e armações de jogada

  2. Reportagem sem pé e nem cabeça, venenosa e com clara intenção de conturbar o ambiente do Remo. Esse sujeito Carlos Ferreira mucurento não tem moral, não tem crédito para falar do Remo.

  3. Bem feito ao lateral Ronny (mal agradecido)e ao empresário que virou a cabeça do moleque, estão tendo o castigo merecido sem terem o retorno esperado e quanto ao Felipe Gedoz é uma grande e ótima contratação e perder pênalti todos os melhores jogadores do mundo já perderam quem entende e acompanha futebol sabe disso.

  4. Ele tava parado e vem esse diretor colocar pra jogar e ainda perder o pênalti na reta final do campeonato, tava bem com a base e contrata um jogador que lá no passado jogou bem que falta de consideração com os jogadores que jogam com amor ao Club a base, tá de parabéns esse diretor do remo

  5. Realmente, não há nexo entre o caso do Rony e o Condicionamento físico da equipe.
    Talvez essa notícia seja mesmo pra polemizar e gerar criticas, desestabilizando o trabalho do Remo e favorecer a Mucura, principalmente no clássico que fecha essa etapa da série c.

  6. Não tem um comentarista que fale bem do REMO todos sem excessão sao todos mucurentos ,,esse velho gagá do Ivo Amaral é um,,pra tirar o cú da reta diz que é Tuna ..reparem na reportagem e vejam o tempo dedicado ao Remo e o tempo que eles falam da mucura ,,impresionante o comentário que eles fazem da mucuraé o programa todo mesmo essa coisa perdendo,,se fosse o contrário a mucura em segundo na tabela eles ja estavam e comemorando a classificação e ja fazendo aposta pro acesso da mucura mas como é o Remo vivem falando merda

Comments are closed.