Águia 0x1 Remo (Giovane Gomez)
Águia 0x1 Remo (Giovane Gomez)

O setor ofensivo do Remo, principal zona afetada com rescisões contratuais neste período de pandemia da Covid-19, deve receber mais uma baixa. O centroavante Giovane Gomez é outro atleta que não será aproveitado no plantel remista no retorno das competições oficiais pela equipe.

Principal aposta para o ataque do time ainda sob a tutela do ex-técnico Rafael Jaques, o jogador não agradou quando acionado nas partidas que disputou.

Assim como o lateral-esquerdo Ronaell, que também não faz mais parte dos planos da comissão técnica, Giovane Gomez tem buscado a melhor solução para entrar em um denominador comum satisfatório entre as partes pra liberação.

De acordo com uma fonte interna, diferentemente dos profissionais que já foram liberados, tanto o ala quanto o atacante aguardam propostas de outras equipes para selarem a saída do Baenão, além de um valor financeiro.

Ao contrário de Ronaell, remanescente de 2019, Giovane foi um das contratações para esta temporada. Ao todo, foram apenas 5 partidas pelo time no ano, com 2 gols anotados.

De promessa de “homem-gol”, o centroavante perdeu espaço ainda no desenvolvimento da pré–temporada azulina, ao passo em que Jackson, outro ex-jogador do time, se destacava por gols marcados.

Confirmando a saída, o ataque do Leão perderá o seu terceiro jogador de ofício, ao lado de Jackson e Wesley. O interessante nessa reformulação da diretoria é que foram estes atacantes os que mais balançaram as redes a favor da equipe nesta temporada, com 5 gols de Jackson, 2 de Wesley e 2 de Giovane.

Por outro lado, o presidente Fábio Bentes já adiantou que o clube tem trabalhado para repor as peças no elenco com vistas para o segundo semestre, período em que as competições, se espera, devem ser liberadas.

Bentes destacou que um atleta já possui pré-contrato com o time, tendo outros 4 bem próximos de acerto. Mesmo sem antecipar, um dos nomes que deve fazer parte do Leão é o centroavante Zé Carlos, de 37 anos. O curioso é que o nome do profissional foi levantado para integrar o grupo remista logo após a contratação de Mazola Júnior, com quem trabalhou no CRB (AL), mas foi descartado pela falta de sequência nos gramados, ao atuar somente 3 vezes nesse ano, pelo São Bernardo (SP), pela Série A2 do Paulistão.

“Tem muita coisa adiantada, mas que ainda não é o momento de ser divulgado. Estamos estudando tudo para ser feito de forma cuidadosa com o time e já pensando no retorno das competições”, disse o diretor de futebol, Dirson Medeiros.

Diário do Pará, 15/05/2020

9 COMENTÁRIOS

  1. Ze Carlos e esse o reforço ex jogador tá de brincadeira diretoria além de velho e indisciplinado

  2. Se fizer gol tudo bem, lembro do Capitão quando veio pro Remo era veterano tambem + fez vários gol decisivos, espero que de certo.

  3. Eu me admiro como o Mazola indica um jogador de 37 anos jogador velho, bichado e que não tem fôlego para jogar nem 45 minutos, É LAMENTÁVEL, tudo vai continuar como era antes e a torcida já ta de saco cheio. Vamos ser realistas, o Remo não tem dinheiro para contratar jogadores jovens de nivel serie A, a soluçao era recorrer a base.

  4. Contrata o pecel centroavante bom e barato e da terra , ou João Leonardo do Castanhal . Dois bom atacante , João Leonardo boa estrutura bom no cabeceio muito melhor do que Geovani e Jackson . So minha humilde opinião .

  5. Seu Presidente manda sair esse Diretor. O cara jogou sou três jogos esse ano e com 37 anos. Tá ficando dpido

  6. Égua, a Diretoria não aproveitou a quarentena para analisar as burrices feitas esse ano. CONTINUA FAZENDO BURRICES. E querem que dê certo.

  7. Um grande quebra-cabeça: Na hipótese da contratação de Zé Carlos tem que ter um outro atacante mais novo que seja também um bom atacante. O Zé dificilmente manterá um bom rendimento durante dois tempos, entretanto Jogar dois tempos não é problema para quem tem 37 anos e que esteja em excelente condicionamento Físico. O atacante mais novo para ser reserva do Zé, de preferência deve ser um jogador da base do Leão ou a permanência do atacante que mais se destacou. O Leão poderá formar com dois bons laterias e no meio do campo ER e Parker o Carlos Alberto atuaria como meio atacante e o Zé Carlos ou o seu reserva imediato seria o centroavante. Se estes Jogadores souberem jogar Juntos com o Paredão Vinicius fazendo suas defesas Fantásticas o Leão tem 90% de ser tri campeão Paraense em 2020 e 85% de conseguir o acesso, só tem um detalhe nos sabemos que são bons de bola mais não podem relaxar na parte Física.

  8. O Geovani Gomes, no pouco tempo que jogou, demonstrou muito esforço e qualidade.
    É um erro dispensar esse jovem atleta.

Comments are closed.