Serra-ES 1x0 Remo (Mimica)
Serra-ES 1x0 Remo (Mimica)

A derrota no Espírito Santo não era um resultado esperado pelo Remo. O placar de 1 a 0 para o Serra (ES), que eliminou os azulinos da Copa do Brasil, também representa grande perda financeira: o time paraense deixa de embolsar a cota de R$ 625 mil, paga aos clubes que chegam a 2ª fase da competição, sem contar uma possível boa arrecadação com bilheteria, já que enfrentaria em seguida o Vasco (RJ), em Belém.

“Não estava nos nossos planos sair precocemente da Copa do Brasil. A gente sabe que a responsabilidade do resultado é toda minha”, lamentou o técnico João Neto, na entrevista coletiva depois da partida.

Depois de um primeiro tempo sofrido, em que chegou a ser pressionado pelo adversário, Netão queria que seu time avançasse as linhas de marcação para pressionar o adversário ainda em seu campo de defesa. A estratégia teve que ser descartada com pouco mais de um minuto da etapa final, quando o volante Robson recebeu o segundo cartão amarelo e deixou o Remo com um a menos em campo.

“A gente perde um jogador com um minuto e trinta segundos. O que a gente tinha falado nos vestiários foi por água abaixo, momentaneamente. No segundo tempo, a gente ainda ficou até mais com a bola, porque eles abaixaram as linhas. Aconteceu o oposto: eles estavam com a superioridade numérica e ficaram marcando o campo todo, enquanto nós, com um jogador a menos, acabamos tendo mais posse de bola. Até porque teve acho que só um escanteio no segundo tempo e um chute no Vinícius, no meio do gol. Sou o responsável por não fazer a equipe jogar com um jogador a menos e não conseguir o resultado, infelizmente”, afirmou.

O Remo terá poucos dias para absorver o baque pela inesperada eliminação da Copa do Brasil. No domingo (17/02), o Leão faz o primeiro clássico do ano contra o Paysandu, no Mangueirão. Por conta do deslocamento de volta a Belém, o elenco se reapresenta aos treinos somente na manhã de sexta-feira (15/02). Netão terá que minimizar os efeitos psicológicos da derrota no Espírito Santo.

“Sou o responsável pelo resultado, então a equipe sabe que essa saída causa muita dor a todos. Sabemos que para o jogo de domingo ainda vamos levar um pouco dessa carga negativa, mas a gente tem que ser profissional. Todo mundo no vestiário estava triste, um ambiente muito ruim de derrota, mas somos profissionais, temos que saber que o resultado negativo veio e a gente tem que se concentrar na próxima partida”, disse.

Veja outros trechos da coletiva com Netão:

Mudanças de planos

Tinha uma ideia inicial com a equipe que começou e, com o decorrer da partida, quando perdemos um jogador, acabamos tendo que arriscar no um-contra-um do Henrique. Colocamos o Mário (Sérgio) para o outro lado também. As bolas estavam “lambendo” a entrada da área, então botamos o David Batista para tentar na bola alta. Estávamos com um jogador a menos e podíamos apostar na bola parada, fazer essa bola chegar no David, mas não tivemos essa felicidade.

Formação para o Re-Pa

O modelo não vai ser mudado. Não é por causa de uma derrota, uma eliminação, que a gente vai querer mudar tudo e achar que está tudo errado. Temos que ter consciência e equilíbrio para tomar as decisões. Apesar da derrota, as ideias continuam as mesmas. Ainda vamos avaliar a questão das mudanças, a questão física. São vários aspectos que vamos ter que levar em conta para poder montar o grupo que começa o jogo no domingo.

Erros nos contra-ataques

A gente inicialmente planejou, quando tivesse marcando, fazer as transições. Tivemos um pouco de dificuldade de construir contra-ataques, tanto que no primeiro tempo não conseguimos construir nenhum. Ficaram alguns pontos de dúvida entre lateral e ponta. Tentamos corrigir no intervalo, mas perdemos um jogador e acabamos perdendo a ideia. Mesmo assim, ainda conseguimos recuperar a bola em certo ponto até mais rápido do que imaginava, porque com um jogador a menos, perdendo o jogo, é muito complicado. A questão de levar a bola até o último terço do campo, a gente não conseguiu ter tantas chances claras de gol.

Pressão pré-clássico

A gente sabe que no Remo a cobrança é muito grande, estou acostumado com isso. Estou há 18 anos dentro do clube. Sei que a responsabilidade das vitórias e das derrotas é minha, tenho essa consciência. Tudo pode vir na minha costa que estou preparado para carregar todo o fardo que é dirigir o Clube do Remo. O que a gente tem que fazer é trabalhar, procurar melhor e ir consertando a equipe em busca dos resultados.

Globo Esporte.com, 14/02/2019

28 COMENTÁRIOS

  1. Será que o netão tem a noção do prejuízo que ele trouxe pro Remo? Será que ele tem a noção da covardia dele? Será que ele sabe do tamanho da vergonha que nós torcedores estamos passando? É bom ele rever esses conceitos dele quanto a escalação do Remo, qualquer ser humano pode errar, más já sabendo que vai errar é ser burro.

      • Que gratidão coisa nenhuma! O Netão era um ilustre desconhecido. Contribuiu para evitar a queda. Já teve seu nome reconhecido e guindado ao time profissional. O que precisa mais. Não vai ser por isso que o Remo vai se ferrar por conta de gratidão. No futebol o que se quer é resultado sempre. O Remo se apresentou cedo e ainda não exerce dominio em jogo algum. Não tem padrão de jogo. Não tem nenhuma jogada que nos dá a impressão de treinamento. Só se defende. Nos primeiros jogos admitia-se está acertando o sistema defensivo. Mas, já são 4 jogos e o time não evolui. O placar de 4 contra o independentemente ninguém esperava. Mesmo assim levou sufoco e se configurou no final do segundo tempo. Nesse jogo contra o Serra, levou os jogadores errados, escalou mal e montou esquema errado. Esse Mário Sérgio e Sandro não poderem ser titulares barrando o David Batista, Emerson Carioca ou o Henrique. Vacaria tem vaga como volante. Keven foi muito bem contra o independente, porque não foi para o jogo. Welton não pode ainda ser titular. Dedeco ainda não jogou no Remo desde o ano passado e mereceu recontratação por indicação do Netão. Tem um da base que é bom no meio e chuta bem de fora da área entrou bem contra o independente, nem foi relacionado. Portanto, sem essa de gratidão. Se construir um time bom, fica. Do contrário, até, muito obrigado.

        • É muito injusto acusá-lo de prejuízo financeiro, porque se o Remo estivesse caído para a série D, assim sim seria infinitamente pior. Não se pode contar com o ovo no C da galinha e se o Remo está em situação financeira difícil, isso não se deve ao Betão e nem a eliminação agora na CBR, até parece o Remo nunca foi eliminado. É mais, se conhecem tanto esses jogadores aí,coisa que assumo que não conheço, e não escalo time, vcs deveriam pedir a cadeira do Betão esperem técnicos, quem sabe vcs arrumam um padrão de jogo e escaleno os jogadores corretos. Eu agradeceria.

  2. A culpa foi do técnico pq não levou Geovani Emerson carioca e ter trocado o Robson que prejudicou o time não dá pra entender

  3. Assumi a responsabilidade não justifica nada, o Remo foi o primeiro time a se apresentar,fez uma temporada e não tem nenhuma identidade, o único sistema tático é sofrer jogando recuado. Temos que mudar de postura e agir é agora.

  4. Técnico medíocre, covarde que encara time adversário com medo. Suas estratégias e covardia vai levar o remo ao fundo do poço. Se essa diretoria não tiver postura iremos para um mar de lama. Série D e outras coisas a mais.

  5. E triste sempre a mesma desculpa, a verdade que nosso futebol paraense está fraco ,a goleada em cima do independente deu uma falsa impressão que o time iria jogar bem,não adianta poupar jogadores não temos elenco,outro erro do Netao foi manter o jogador de marcação com cartao amarelo em campo,penso agora que na terceira divisão vamos pegar times mais fortes, tem que melhorar.senao sera mais um ano de desilusão

  6. Treinador covarde e, não tem perfil pra treinar o Remo, inseguro quanto a escalação.

  7. Netão…

    Teste o Meio Campo/Ataque do Remo com: Robson, Vacaria, Echeverria, Gustavo Ramos, Jóia Rara, David Batista.

    E de um toque no Vinícius, um excelente goleiro, mas não é a primeira vez que ele falha, com as saídas erradas em Cruzamento. A zaga Falhou, mas ele falhou também, se tivesse ficado no gol defenderia a Bola.

    No jogo contra o serra foi uma escalação covarde..

  8. O Betão assume a “culpa” justamente porque não é covarde e quer blindar os jogadores para o Rexpa. É a primeira derrota do cara, não vi o jogo, então vou comentar, mas até onde li, o Remo com menos 1 foi ao ataque, e do outro lado tem um adversário que não tem nada a perder. Remo não ganhava há 10 em Santarém o São Raimundo e ganhou, não ganhava há 7 o Independente em Tucuruí, agora perde para o Serra, que aliás é o atual campeão Capixaba, e pronto! É covarde, não presta…covardia é aproveitar uma derrota e aproveitar pra destilar veneno. O Remo vai ganhar e vai perder, é assim o futebol. E já adianto que independente do resultado do Rexpa, o Betão TODO o meu apoio!

  9. Não dá para entender porque ele improvisa o Djalma na lateral direita e o Vacaria na cabeça de área e porque relega a segundo plano Echeverria e David Batista. Impressionante a inteligência desse treinador. Esse Robson marca com o olho. Não dá um bote sequer. Em um jogo de maior pressão como o de ontem, ficou patente que não tem condições de vestir a camisa do Remo. Vacaria e Djalma são fundamentais no meio de campo. Echeverria tem que jogar como quarto homem de meio de campo, compondo com o Diogo Sodré, que é meia armador dos bons, não cabeça de área, como o nosso “mestre dos magos” teima em utilizá-lo. David Batista não balançou as redes ainda em jogos oficiais, mas demonstrou muita qualidade e força de vontade quando esteve em campo, sendo inclusive peça chave na goleada contra o Independente, quando puxou a marcação para si e possibilitou que o Gustavo Ramos deitasse e rolasse na partida. É muita inteligência, meu Deus do céu. É desses que eu tenho medo.

  10. acho que faltou coragem
    pro netao olhem só este time.Vinicius. GEOVANE. mímica. Kevin. ronael. vacaria .Djalma. Gustavo. e estiverria. Henrique e carioca.amém. coloque para favor no clássico esse time irmão netao só vitoria

  11. Não entendo a paixão do Netão pelo Dedeco e Welton .Os dois piores jogadores da partida contra o independente e são colocados como titulares contra o Serra. Vai ser burro assim lá…..

  12. É muito é ser burro esse técnico se um jogador vai com cartão amarelo para o intervalo tira ele é coloca outro ou será que o remo não tem substituto a altura desses ruindade. É mais um ano de sofrimento. Nem um jogo do remo me agradou. Todos os jogos esse time joga arrecuado por uma bola. Culpa de quem? desse treinador burro.

  13. Todos os Técnicos falham um dia, eu digo que houve uma soma negativa que são: a expulsão exigiu mudança de estratégia, um pequeno abalo emocional depois da expulsão, e muita sorte do Serra porque o cabeceio do gol pegou o Vinicius de surpresa, o Vinícius pensou que o cabeceio ia para o outro lado, e ficou um pouco despreocupado. O Vinicius espalmaria aquela bola, o gol foi muita sorte do Serra futebol Clube.

  14. Acho que estão fazendo uma tempestade em copo dágua… um jogo que perdemos tão fazendo maior onda ….tivemos o prejuízo da renda que não vamos ganhar mas não é por um jogo que vamos crucificar o netao ele provou ano passado ser um ótimo técnico

  15. Netao orienta o time muito mal..Remo perder para um time que não ganha nada e ainda se responsabiliza pela perda, aproximada, de um milhão de reais para o cofre do clube. A irresponsabilidade deste jogador que não tem fôlego para acompanhar a corrida de um jogador. Se eu fosse presidente do Remo já anulava este contrato e dispensava este jogador. Netao deveria fazer o que fez em Tucuruí ; o time precisava apenas de um empate. Não sei se Netao vai aguentar está barra. Estes jogadores não demonstram segurança. Espero que não aconteça como nós anos anteriores.

  16. Netão para de inventar escalou mal pagou o preço Vacaria tem quê jogar na posição dele Dedeco não tem mas condições de ser titular

  17. Netao vai devolver 625 mil reais ao Remo, pois ele assumiu a derrota. Tem que fazer pós-graduação . Livrar o Remo da série D , foi esforço daqueles jogadores e não dele. Nao sei nao, mas será que vai acontecer como 2015. Escala o Robson e assim ele se afunda.

  18. Passa tempo e tempos e o clube do remo continua sendo um time pequeno..perder pro Serra e simplesmente não ter recurso técnico nenhum..escalou errado mexeu errado…sendo assim não chega nós objetivos que pretende..fato..futebol se joga pra ganhar…E agora o prejuízo de quase 1 milhão seu netao vai pagar pela sua teimosia com jogadores que não estão correspondendo..então escolhe os melhores e por o time pra ganhar..fato

  19. Prejuízo financeiro é todo ano a dívida trabalhista aumentar ou se renovar. Vc ter a perspectiva de ganhar e não ganhar não é perder. Só se perde aquilo que se tem.

  20. O Clube do Remo é um Time grande em termos de Brasil e Gigante em termos de Torcedores e admiradores em relação a Amazônia porque é o maior do Norte. O Leão se destaca em todos os Esportes é considerado um patrimônio esportivo do Pará. O Serra é um Time pequeno em termos de Brasil e pequeno em Termos de Sudeste é apenas um Clube mediano dentro do Espirito Santo, talvez com esta vitória se torne-se grande em seu Estado. Eu fiz um comentário em que o Givanildo atual técnico do América Mineiro, campeão Parazão 2018 pelo Leão, adotou o esquema defensivo contra o São Raimundo e conseguiu o empate. Adotar o sistema defensivo contra Time pequeno é decisão do técnico. Neste caso deu certo para o Professor Giva e deu errado para o Netão. Vocês tem que analisar que era o Jogo da vida do Serra, nós devemos ser humildes e reconhecer um pouco o mérito deles, eles se esforçaram como se fosse o último jogo para eles. O Netão e o Giva sabiam que estes Times menores viriam com tudo, reforçaram o sistema defensivo para segurar o impeto inicial e matar o jogo no segundo tempo. O Netão deveria ter começado o segundo tempo com o Time ofensivo e não tomar tal decisão depois da expulsão, este foi o vacilo do Netão, se ele imaginasse uma possível expulsão ele começaria o segundo tempo com o Time que deveria ser mais ofensivo o Serra já estava perdendo o fôlego, e não aconteceria a expulsão porque quem foi expulso não entraria no segundo tempo, como tenho dito: todo bom técnico tem um dia que vacila, isto é exceção não é regra, a regra é que o Netão está no rol dos bons técnicos, por isso ele é técnico do Gigante futebolístico da Amazônia, o nosso querido Clube do Remo.

  21. se o neto colocar vacaria e Djalma na cabeça de área e estiverria e Gustavo no meio ele ganha o clássico com Henrique e carioca na frente amém só vitoria

  22. Essa política acovardada de jogar recuado e rifar a bola pra frente para ver o que acontece, já fez parte de recente passado do clube. Repete-se a mesma história. Levou dois zagueiros de ofício e improvisa o Vacaria, leva o lateral direito e improvisa o Djalma. E pra complicar, esse meio campista expulso so vai no corpo do adversário. Já tinha levado o primeiro cartão amarelo e já merecia o segundo ainda no primeiro tempo. Se o Neto fosse um pouquinho mais inteligente, entrava com o Keven na zaga e colocava o vacaria na cabeca de área prevenindo a expulsao. Se mostrar essa caricatura de futebol no domingo, vai perder pro Paysandu, infelizmente. Neto nunca ganhou nada como técnico de futebol, foi muito risco da diretoria entregar a ele essa responsabilidade. Ele está em xeque pra domingo, e poderá acontecer o xeque-mate.

  23. Ei gilmessi77 aproveita agora que o Remo está tomando uma peia e leva o netao para sua casa. Treinador medíocre, covarde e mto fraco. Aproveita e põe o netao para ser treinador de peteca, pois se ele perde ele paga com o *

Comments are closed.