Fábio Bentes acompanhou a visita do governador Helder Barbalho ao estádio Mangueirão
Fábio Bentes acompanhou a visita do governador Helder Barbalho ao estádio Mangueirão

Sem uma renda expressiva e contínua desde a eliminação na Série C do ano passado, no final de agosto, o Remo lamenta, com o adiamento do seu jogo de estreia no Parazão, mais uma demora em fomentar o seu caixa.

Apesar da crescente no número de novos associados no programa Sócio-Torcedor Nação Azul, que iniciou a gestão de Fábio Bentes com cerca de 600 associados e hoje supera a casa dos 2 mil, a principal fonte de renda da equipe ainda é a bilheteria em dias de jogo.

Como todas as cotas de patrocínio estão bloqueadas, o lucro da arquibancada é fundamental para honrar com os compromissos. Um valor estimado em R$ 500 mil era aguardado para o jogo contra o Tapajós, na estreia, baseado no borderô da edição anterior do campeonato, que teve os mesmos valores de ingresso e carga disponibilizados.

Como os próximos jogos do Leão, conforme a tabela da competição Estadual, serão como visitantes, em Santarém e Tucuruí, a equipe poderá contar com o apoio da torcida massivamente apenas no clássico Re-Pa, pela 4ª rodada, quando voltará a jogar em Belém.

De qualquer modo, não há como ir contra a decisão do adiamento, já que é a segurança do torcedor que está em jogo. Segundo o governador Helder Barbalho, foram identificados diversos problemas estruturais no estádio. Na área onde houve a queda da laje será necessária intervenção e imobilização imediata.

“Temos uma alternativa, que está sendo estudada, de que essa área do estádio esteja com acesso restrito, mas a ideia é que possamos utilizar os outros espaços do Mangueirão”, afirmou.

“Precisamos de 10 dias para visualizar registros não apenas no local do incidente, mas também em outras áreas. Não podemos correr risco de eventos acontecerem com o estádio cheio”, completou Helder.

Diário do Pará, 10/01/2019

1 COMENTÁRIO

  1. Acho que o Clube do Remo, tem que alugar outro estádio para jogar:
    1/ Campo do Paissandú.
    2/ castanhal.
    3/ Bragança.
    4/ Paragominas.
    # Este Mangueirão é uma “Inhaca”….

Comentários