Artur Oliveira
Artur Oliveira

A delegação do Clube do Remo deverá desembarcar em Belém por volta das 21h desta segunda-feira (25/06), após mais uma derrota do time na Série C do Brasileirão, desta vez por 3 a 1, para o Globo (RN), no último domingo (24/06).

Com o resultado, o Leão amarga a lanterna geral da competição, com apenas 8 pontos conquistados em 12 jogos.

Após a partida, Artur Oliveira deixou o cargo à disposição. A diretoria do clube deverá confirmar sua saída após uma reunião entre o treinador e os dirigentes azulinos.

Caso ocorra, o auxiliar-técnico João Neto – o Netão – assumirá a equipe até que a direção do clube chegue a um consenso acerca do futuro da equipe na competição. Uma parte deseja a manutenção de Netão, enquanto que outra prefere apostar em um novo treinador de fora.

Diário Online, 25/06/2018

23 COMENTÁRIOS

  1. Aí o Artur sai e fica esses jogadores que ele pediu como reforços, monte de jogador ruim que só jogam em time pequeno quando chega num time de peso não jogando nada

  2. Situação lamentável.
    Aqui faço duas perguntas aos nobres leitores, o problema real do Remo é técnico? Se alguém puder informar que me diga, quando o placar de um jogo é extremamente influenciado pela arbitragem, como foi esse jogo do Remo contra o Globo, onde o empate foi visivelmente gol de impedimento, a arbitragem fica por isso mesmo?
    Ninguém pode falar nada? Ou esse caso é semelhante a situação política atual em que vivemos no Brasil? Até porque vejo isso como mais uma faceta da pseuda democracia enraizada nessa ditadura civel em que vivemos.

    • Remo já foi muito prejudicado pela arbitragem nesse ano, aliás, não me lembro de ter sido tão prejudicado como nesse. Acredito que o maior problema está nos jogadores que não tem maturidade e controle emocional para seguir no jogo e fazer um partida sóbrea. Levar um gol é normal, ainda que seja irregular, anormal é o abatimento que esses jogadores mergulham. É preciso cada um deles buscar FORÇA MENTAL, para ter ao menos controle e não cometer erros infantis. Olha o que a Alemanha fez, olhem como o México e Japão estão jogando, viram a vontade de ganhar da Colômbia que engoliu a Polônia? Até os Países considerados fracos, como Irã e Marrocos, estão muito bem postados em campo, isso é Confiança, Obediência Tática, Concentração, Força Mental.Infelizmente temos um elenco razoável, melhor até que de anos anteriores, mas muito frágil emocional e mentalmente.

    • Nao foi só nesse jogo que a arbitragen erra contra o Remo dois gous do isak mau anulado um contra o atlético AC no primeiro jogo e um contra o santa cruz no mangueirao

  3. Pois é . O Remo saiu do paraense com um time modesto para jogar a serie C, tentou formar um time em pleno andamento do campeonato, isso é complicado, não desmerecendo os atletas que ai estão, que são bons jogadores, mas sem tempo jogando juntos o entrosamento deixa a desejar. Os times que jogam a série C , no grupo do Remo, não tem grandes elencos, entretanto já vem de competições disputadas, como e o caso da copa do nordeste e os seus estaduais, onde os jogos são difíceis, quando chega a série C, já estão definidos e entrosados. Desejo sucesso, aos jogadores que ai estão e ao novo técnico, se for o Netão , também desejo sabedoria e tranquilidade para armar o elenco, Fibra LEÕES! e vamos em frente!

  4. O problema não é técnico todo mundo sabe é ver isso nos jogos., a questão é a qualidade dos jogadores. Horrível

  5. O Arthur perdeu o comando do time. Não conseguiu unir nada, além dele, devem sair vários jogadores que não querem jogar, que são muitos. O Netão deve formar um time com jogadores da base e que estejam comprometidos em salvar o clube do vexame.

  6. Uma das piores campanhas do Remo em Brasileiros fruto de um trabalho inexperiente de uma diretoria só tomou decisões erradas e fora de tempo e que agora se esconde. Não vejo mais em reportagens nomes e entrevistas de MiltonCampos, Mileo e companhia, estando o Remo entregue a própria sorte. Pediram ao Presidente Manoel Ribeiro autonomia na gestão do futebol. Foi dada. Execitivos de futebol, Setor de Inteligência nas contratações. Muito papo furado. Resultado: Copa Verde, eliminados na primeira fase. Contrataram um bom treinador, GivanildoOliveira, que tirou “leite de pedra” e venceu o fraco campeonato paraense. Avisou que precisava de contratações indicando jogadores de qualidade. Não trouxeram nenhum. Veio as contratações alternativas. O Treinador aceitou, pela declarada situação de miséria do clube. Se manteve na briga com o elenco que tinha. Na primeira adversidade e no momento que chegaram jogadores um.pouco melhores como Everton e Bastos, a diretoria covarde, inexperiente e que não aguenta pressão da imprensa e decorrente pressão da torcida, volta a tomar decisão errada. Demite o treinador é pior contrata um que a maior e unica credencial foi um trabalho no Bragantino no fraquíssimo campeonato paraense. Tragédia anunciada. Um ponto em 12 disputados. Tchau! Até nunca mais Arthur. Segunda passagem pífia como treinador do Remo. Nem seus conterrâneos te querem como treinador dos times da tua terra natal. Deveria sair também os já escondidos diretores do futebol. Lamentável! Pelos números a missão do Remo de não cair é quase, pois tem a matemática, impossível, pelas estatísticas do desempenho. Tem que vencer os quatro jogos em casa e empatar um fora para ter os pontos médios para não cair, 21 pontos. Venceu dois jogos no campeonato ate agora em 11 jogos. E continua um conselho deliberativo cheio de benemerencias com ideias ultrapassadas e que vivem de um passado e esqueceram do presente. Futuro, nem pensar! Acho até que torcem contra o clube para terem suas conquistas eternizadas. Mas, admitem presidentes como Zeca Pirão, e Minowa. Além de uma diretoria de futebol ridícula como essa atual, cujos nomes já nem aparecem mais estampados nas manchetes esportivas. Deve fazer parte de algum projeto para um velho/novo Remo, imagino. Enquanto isso a apaixonada torcida do Remo sofre com mais uma imininente e humilhante passagem, novamente, com horizontes indefinidos, pela série D.

  7. Alfredo Leão resumiu muito bem nossa situação…nada mais explica. Temos agora que rezar aos Deuses do futebol para escaparmos do poço da serie C de onde viemos. É lamentável ver nosso time jogar do jeito que vem jogando, sem conjunto, sem preparo físico e sem garra.

  8. O que não entendo é pq esses times c orçamento bem menor conseguem ter um elenco de melhor qualidade

  9. unica coisa que o Remo tem de bom sao os goleiros e o Mimica. O resto nao serve!!! O Evandro por exemplo, entrou muito bem no lugar do Vinicius e o cara é o terceiro goleiro?? So pq nao passou por clubes grandes??

  10. Tècnico ganha jogo sim! tá escalando muito mal o time, cadê o fernandes, jeferson recife esses caras levam o time pra frente vamos rever essa escalação, precisamos de uma vitoria pra poder embalar na competição vamos lá LEÃO !

  11. Miguel Marques,o problema maior é que atualmente não há liberação de jovens promessas que antes vinham para ganharem experiências,é também não há em nossos clubes pessoas nos locais de campeonatos de bairros observando jovens talentos que tem de sobra por aí é enquanto não formatar um grupo desde p campeonato regional, preenchendo algumas posições, não vamos ter muito sucesso, só com muita sorte.Vamos mudar que a torcida de primeira divisão pode virar a torcida da nossa saudosa tuna luso brasileira.Vamos abrir os olhos..

  12. E triste mais e a realidade do meu grande clube de perica.fico triste mais pagamos pelo não profissionalismo por parte de alguns que pensam ser dono do clube.desde 2007 só vivo envergonhado o remo nunca mais foi o mesmo.jogadores locais sem a mínima qualidade técnica.treinadores que veem e que se vão muito cedo.a contratacao às cegas tudo isso contribuem para esse momento drástico em que vivemos.viu sempre te amar leão um dia vc voltará mais forte se Deus quiser!!!

Comments are closed.