Uberlândia-MG 1x0 Remo
Uberlândia-MG 1x0 Remo

A rodada deste domingo (06/01) deixou o Grupo 20 da Copa São Paulo de Futebol Júnior bastante “embolado”. Perdedores na 1ª rodada, Visão Celeste (RN) e Uberlândia (MG) venceram suas partidas contra Desportivo Brasil (SP) e Remo, respectivamente. Agora todos vão para a rodada final com 3 pontos ganhos.

No estádio Ernesto Rocco, em Porto Feliz (SP), a primeira partida do dia foi entre paulistas e potiguares, iniciada às 12h45 (de Belém). O time da casa saiu da frente com 2 gols de João Sala, ainda no primeiro tempo. Na volta do intervalo, o Visão Celeste (RN) conseguiu virada impressionante, com 3 gols de Zé Eduardo.

Na partida das 15h (de Belém), o Uberlândia (MG) venceu o Remo por 1 a 0, gol marcado por Wilmer, aos 44 do primeiro tempo. Na etapa final, o Leão pressionou, mas não conseguiu empatar.

Com o resultado, todos os times ficam com 3 pontos, mas a liderança é dividida por Desportivo Brasil (SP) e Visão Celeste (RN) em razão do número de gols marcados (3 cada).

Os times voltam a campo para a última rodada da fase de grupos na próxima quarta-feira (09/01), novamente no estádio Ernesto Rocco.

A partida preliminar será entre Visão Celeste (RN) e Uberlândia (MG) em seguida, será a vez do Leão encarar o Desportivo Brasil (SP).

Globo Esporte.com, 06/01/2019

3 COMENTÁRIOS

  1. Enquanto a formação desses garotos for indicação tipo assim, ah põe o filho do fulano, ah põe o filho do ciclano, nos não vamos ganhar nada na copinha. Tem que preparar esses garotos com responsabilidade e profissionalismo.

  2. Temos que jogar pra jogar bem e ganhar e não só jogar bem ok na próxima vamos ser mais otimistas o remo é garra e raça jogador bonzinho estamos cheio.ok

  3. A questão maior é um centro de formação, que seja possuidor de um espaço com capacidade de forma atletas dentro de um padrão que o futebol atual em alto exige. E para isso devemos deixar discussões vazias de lado, e focarmos na realidade. Estamos com uma formação de atletas com características do secusé passando, esse é o maior problema.

Comentários