Gerson Gusmão
Gerson Gusmão

O técnico Gerson Gusmão deve ser anunciado nas próximas horas como novo comandante do Remo. O acerto entre o clube e o treinador está encaminhado e Gerson deve comunicar seu atual clube – Botafogo (PB) – ainda na noite desta segunda-feira (20/06).

Aos 48 anos, Gerson Gusmão ganhou a preferência da diretoria ao “disputar” com Waguinho Dias, ex-Brusque (SC). Os dois treinadores foram procurados pelo clube no início da tarde, mas a negociação com Gerson fluiu de maneira mais satisfatória para o Leão.

Gerson Gusmão está no comando do Botafogo (PB) desde 2021. Ao todo, o técnico esteve a frente do clube paraibano em 69 jogos e conquistou 30 vitórias. Nesta temporada, são 16 vitórias em 32 jogos.

Antes de desembarcar na Paraíba, o treinador comandou o Operário (PR) entre 2016 e 2020, sendo considerado o técnico mais longevo no cargo por várias temporadas. Por lá, foram 2 títulos nacionais, conquistando as Séries D e C do Campeonato Brasileiro, em 2017 e 2018, respectivamente. O treinador passou ainda por Santo André (SP), Novo Hamburgo (RS), Caxias (RS) e Chapecoense (SC).

Gerson Gusmão chega para substituir Paulo Bonamigo, demitido do Remo nesse domingo (19/06), logo após a derrota por 2 a 1 para o Altos (PI), em pleno Baenão.

O Leão volta a campo na segunda-feira (27/06), a partir das 20h, para enfrentar o Figueirense (SC), no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC). O jogo é válido pela 12ª rodada da Série C e terá transmissão ao vivo e exclusiva pela DAZN. Clique aqui para fazer sua assinatura agora e ganhe 30 dias grátis.

Roma News, 20/06/2022

23 COMENTÁRIOS

  1. Sinceramente eu preferiria o Allan ALL, Mozart ou Hélio dos Anjos.
    Mas, esse chegando e fazendo esse elenco jogar de verdade, tá muito bom.

    • Poisé, o Mozart entregou o lugar agora em junho depois de uma derrota do CSA para o Tombense e ele teve mais de 66% de aproveitamento no CSA, pra mim ele seria o mais indicado pro REMO, até evitaria essa guerra de tirar um treinador de outro clube.

  2. Olha pode ser bom afinal e foda ficar tirando gente do Botafogo PB e meio esquisito mas acho que qq mudanca dara certo REMO esta predestinado a subir.

  3. Dizem que o Leão azul de Antônio Baena já acertou com ele, Gerson Gusmão. Será que é um bom nome para assumir esse grupo? Será que vai barrar o Marlon na zaga?

  4. Em 2022 em 32 partidas que o Gerson Gusmão comandou tem 16 vitórias e 8 empates, ou seja, em 96 pontos possíveis conquistou 56 pontos, significando boa performance de 58%.

    Gerson Gusmão tem um bom currículo e fez um ótimo trabalho no Botafogo PB nos últimos 2 anos, mas ele terá um imenso desafio no Remo, primeiramente quebrar grupinhos comandados por estrelões dentro do plantel e imediatamente arrumar um time para buscar 14 pontos dos 24 possíveis, significando 4 vitórias e 2 empates em 8 jogos, algo nada fácil.

  5. Afinal quem é esse treinador?
    Nunca ouvi falar!
    Pelo amor de Deus diretoria, pq não deixar o Netao primeiro até conseguir um técnico mais rodado, mais experiente. Chega de amadorismo gente, contratar treinador assim em menos de 24 horas após a demissão do antigo treinador é um verdadeiro tiro no pé. Caramba demoraram tanto pra demitir o Bonamigo, agora querem contratar na marra!

  6. 8 RODADAS E UM DESTINO

    Poderia alongar sobre a contratação de Gerson Gusmão. Mas sem delongas direto ao ponto. Qual o perfil, currículo, conquistas/títulos, experiência do profissional?

    É sabido que se trata de um profissional inexperiente em “início” de carreira.

    Ele terá e usará conhecimentos táticos variados e condições psicológicas/emocionais para encarar toda uma pressão que virá diante das oito rodadas restantes? Ele terá moral para enfrentar também as supostas “panelinhas” entre os jogadores “rodados”, “medalhões?” E, a base seguirá marginalizada, secundarizada, esquecida?

    Por que a gestão amadora e burocrática Fábio Bentes, não optaram por um técnico mais experiente (embora esse fator não defina necessariamente o nível técnico/tático de uma carreira) habituado às disputas nacionais e optaram – “pagaram” – para ver Gerson Gusmão?

    Há décadas que a crise de gestões e corrupção joga a instituição Clube do Remo na lama e em aventuras amadoristicas forçadas! Perde o futebol local e da região norte.

  7. Tai o novo técnico, não cascudo, talvez o que Remo pode pagar no momento. Agora, o que precisamos é menos casca e mais massa cinzenta e da melhor, casca por casca ou carapaça, o plantel do Remo está cheio, um verdadeiro parque dos dinos, e pelo jeito não está resolvendo, talvez seja isto, é muita casca, o tempo é outro, século 21 e não o pré, o Remo precisa equilibrar a balança, esta é a lei da vida. Vamos ficar na torcida para que o novo tecnico consiga usar as marretas do Leão de maneira correta e os bastidores o deixem trabalhar. Agora se mesmo assim, a galera ainda preferir ou encouraçado, é só fazer o PIX e que PIX, tem a disposição, Ney, Gaúcho, Pochettino, Zidane, Luxa, Lisca, Mozart, Vagner, Sebastian, Batista, a lista é grande, é só escolher.

  8. Torcida azulina do que tanto me orgulho no Pará, SE NÃO CONTRATAREM UM ATACANTE PRA FAZER GOLS do jeito que a bola vier, estamos lascados……..o Remo peca pq esses atacantes não valem nada. Não sabem nem chutar a bola de baixo do gol.

  9. Enquanto alguns torcedores do Remo estão reclamando da contratação de Gerson Gusmão, os torcedores do Botafogo-PB estão lamentando a saída do treinador. Gusmão vinha fazendo um excelente trabalho no time paraibano, mesmo com um elenco considerado limitado. Excelente treinador, joga no 3-5-2, ideal para manter um equilíbrio na zaga que tem sido um setor frágil no Remo. Se treinador Rodado ou Cascudo fosse a solução, o Bonamigo teria conseguido êxito. Acredito no trabalho do novo treinador e desejo-lhe sucesso diante do comando técnico azulino. E aos PESSIMISTAS: deixem o homem começar a trabalhar para vocês avaliarem o seu desempenho.

    • Exato Adriano, é uma boa estratégia competitiva da diretoria do Remo enfraquecer um adversário direto por briga pelo acesso ao tirar o técnico do Botafogo PB.

  10. Não precisamos de técnicos “rodados” do contrário traz o Givanildo pela milésima vez> precisamos de um “pensador” e esse já tem dois títulos brasileiros em curtíssimo tempo além de ser um treinador com longos períodos por onde passou, APROVADO.

  11. O remo tá virando sucursal do Botafogo da Paraíba, se for pra trazer gente nova, que seja de time grande, agora enchem o elenco com jogador de time pequeno, que nunca jogou pra mais de 500 torcedores aí fica difícil.

  12. E o pior é que o Remo está sendo alvo de críticas por estar “puxando” alguns profissionais do tal de “Belo” ( Botafogo PB) Em parte eu também acho muito esquisito essa situação, como vem se desenrolando, jogadores, técnico e equipe, profissional de desempenho, etc … Falta trazer a diretoria também. Parece que todos os bons ou profissionais medianos (Não são os excelentes, cascudos), foram para a Paraíba. Falta de empenho? De conhecimento do mercado? Excesso de ignorância? De cegueira? No ano passado deram um tiro no pé. Dispensando o técnico, faltando 5 rodadas, 15 pontos, para faturar 5 afundou o barco com uma pedra dentro, já que o técnico não conhecia o elenco e sem tempo para isso. Deu no que deu!. Tá foda. Vamos ver no que vai dar. Torcendo para que eu esteja errado com esse meu pessimismo.

  13. Pois é, como explicar, que estes times, com pode fogo menor, elenco menos badalado, torcida menor, na maioria das vez consegue ser melhor, que Remo, nas mesma competição, qual é o problema, é jogador, é técnico ou administração, não seria o caso da turma daqui fazer um estágio lá, não, o pessoal daqui é muito bom para isto.

Comentários