Thiago Ennes e Anderson Uchôa
Thiago Ennes e Anderson Uchôa

O termo “maratona” define uma espécie de corrida de longa distância e sem pausa. Assim deve ser para o Clube do Remo na Série B do Campeonato Brasileiro e na Copa Verde – uma verdadeira correria com tantos jogos na agenda.

A partir desta sexta-feira (05/11), o time azulino terá uma sequência de jogos até o próximo dia 15/11, em jogos importantes para o restante da temporada 2021 e para a próxima também.

Na 11ª posição e com pequenas chances de ser rebaixado, o time azulino precisa ficar esperto com a aproximação dos adversários que estão atrás na classificação para não ter problemas maiores nos jogos finais.

Até o dia 15/11, o Leão terá 2 jogos fora de casa na Série B, contra CSA (AL) e Operário (PR), além de receber o Goiás (GO), no Baenão. Entre paranaenses e goianos, o time azulino ainda terá uma escala na Arena da Amazônia, onde vai enfrentar o Manaus (AM) no jogo de ida das quartas-de-final da Copa Verde.

Em pouco tempo, o técnico Felipe Conceição espera não contar com problemas de lesão e evitar que jogadores importantes fiquem de fora por suspensão.

No plantel, o Remo já terá o zagueiro Kevem e o volante Pingo a disposição nos próximos jogos, assim como o goleiro Vinícius e o atacante Erick Flores também podem voltar a equipe. Por outro lado, o meia Felipe Gedoz deverá voltar somente contra o Vasco (RJ), na penúltima rodada da Série B.

Diário Online, 04/11/2021

3 COMENTÁRIOS

  1. Time sem vontade, sem raça, que joga sem respeito ao clube. Se não cair, mandem esses fdp embora afinal os moleques da base mostrariam mais raça em campo, que estes que aí estão.

Comments are closed.