Lucas Tocantins
Lucas Tocantins

O Remo fará um jogo nesta sexta-feira (15/10) que pode quebrar a incômoda sequência de 3 jogos sem vitórias. Diante do Brusque (SC), um dos times ameaçados de rebaixamento, a postura esperada é de ofensividade, coisa que o Leão não tem mostrado no começo das partidas.

Contra Sampaio Corrêa (MA), Coritiba (PR) e Vila Nova (GO), o Remo foi excessivamente tímido durante o primeiro tempo, permitindo o predomínio dos adversários. Na etapa final, o time sofre alterações e cresce, como que por encanto. Na prática, talvez as escolhas dos 11 titulares talvez não sejam as mais acertadas.

Dá a impressão de que a atitude mudaria se a equipe já entrasse com os jogadores normalmente escalados no segundo tempo, como Jefferson, Pingo, Rafinha e Lucas Tocantins. Seria no mínimo interessante se o técnico Felipe Conceição invertesse os papéis e usasse os supostos suplentes.

Nos últimos dias, a grande novidade foi o reaparecimento de Anderson Uchôa nos treinamentos. Talvez o volante ainda não possa voltar diante do Brusque (SC), mas gera a expectativa de que seja escalado contra a Ponte Preta (SP). Ao mesmo tempo, o atacante Erick Flores e o goleiro Vinícius continuam em tratamento.

Blog do Gerson Nogueira, 13/10/2021

2 COMENTÁRIOS

  1. Este técnico do Remo ainda estar aprendendo como se treina um time de futebol por isso time começa mal escalado e só depois que o time tá perdendo ele resolve colocar os citados jogadores no artigo do Gerson Nogueira.

Comentários