Kevem
Kevem

A delegação azulina chegou em Belém na madrugada deste domingo (17/10) e já se reapresentou de olho nos próximos confrontos. Em meio ao clima ruim pela derrota diante do Brusque (SC), o Leão tem pela frente a estreia na Copa Verde, contra o Galvez (AC).

“Sabemos que (o resultado) não foi dos melhores. Quando jogamos fora de casa, temos boas atuações. No primeiro tempo até jogamos bem. No segundo, tomamos a virada. Sabemos que o clima não está bom, mas só nós podemos mudar isso. Temos jogo importante contra o Galvez (AC)”, comentou o zagueiro Kevem.

Na terça-feira (19/10), às 20h30, no Baenão, contra os acreanos, o Remo deve aproveitar a oportunidade para utilizar jogadores que não estão tendo chances na Série B. Sobre o assunto, o zagueiro afirmou não ter conhecimento ainda da decisão que será tomada pela comissão técnica.

“Desde o jogo contra o Brusque (SC), ainda não conversamos sobre a Copa Verde. Temos um jogo importante, contra o Galvez (AC). É fazer o que o Felipe (Conceição) está pedindo e, se Deus quiser, sair com a vitória. Depois, é ir para um jogo importantíssimo contra a Ponte Preta (SP)”, disse o defensor.

Com o resultado ruim, o fantasma da zona do rebaixamento voltou a ficar perto do Remo. Para fugir dessa fase, Kevem pediu união do grupo.

“A gente está em uma das maiores Série B que já teve. Então, toda reta final é difícil, complicado. Agora é se unir para conseguir os objetivos”, encerrou.

Roma News, 18/10/2021

11 COMENTÁRIOS

  1. Muito oportuno o pensamento do Kevem, o grupo de jogadores e comissão técnica tem que se unirem ainda mais nesse momento decisivo da série B, superarem os próximos adversários jogando solidários, inspirados, com muita garra e determinação para o Remo conquistar os pontos para terminar essa série B entre os 10 clubes mais bem classificados.

    Chega de críticas depreciativas que não levam a nada, o remista verdadeiro tem que se concentrar em pensamentos positivos em favor do sucesso do Clube do Remo nessa reta final da série B.

    • Correto Garra Azul. É por aí mesmo. Em um dos mais difíceis campenatos de série B, o Remo está na briga, no bom combate, mesmo com todas as dificuldades dos últimos anos quanto a dívidas trabalhistas, ameaças de leilões, etc…. e ainda investindo na melhoria do Clube. Clubes também importantes com Cruzeiro, Vitória, Ponte Preta, com grandes torcidas como a nossa, estão atrás. Os que subiram junto com o Remo, o Vila Nova e o Brusque estão próximos, mas atrás e o Londrina está no Z4. Não tem como não comparar. O momento é de apoiar e torcer. Sou mais Remo!

    • Críticas são criticas, não tem jeito, tudo depende de como absorvemos isto, se para o bem ou para o mal. Nossa história está repleta de exemplo onde só o talquinho não resolve, principalmente com aqueles jogadores cascudo, cheios de vício e verdade entranhada. E parece que muitos que expuseram suas opiniões aqui, começam até razão e espero está enganado, mas quando jogado começa pedir união do grupo em prou de um objetivo, é porque a coisa não está nada boa como parece, como disse o FC, nós não conhecemos o dia dia do clube. Que os deuses do futebol não nos abandone.

  2. Concordo com a palavra de união, vamos torcer para que nem hum filho do cão desses aí que bota um apito na boca venha , prejudicar o nosso time AQUI.
    UNIÃO E FORÇA JUNTOS NUM SO PENSAMENTO , LEÃO NA SÉRIE B EM 2022

  3. Mas o adversário pode colocar a mão na bola que o juiz não marca e o arbitro de video finge que não viu.

  4. Bom dia a todos, minha opinião é que não só o remo tem que se unir na reta final da serie B, mais nós do fenômeno azul. um por todos e todos por um esse é o ditado, chega de reclamacões por que pensamento negativo trazem negatividade, então pensamentos positivos que tudo vai dar certo e o nosso Leão vai dar a arrancada final e voltar a vencer e vamos sim conquistar a copa verde e principalmente permanecer na serie B 2022.

Comments are closed.