Paulo Bonamigo
Paulo Bonamigo

O técnico Paulo Bonamigo ficou na bronca com a arbitragem da partida contra a Tuna, jogo que ocorreu na manhã deste domingo (09/05), no estádio do Souza. Segundo o treinador azulino, o pênalti marcado pelo árbitro Joelson Silva dos Santos, a favor dos donos da casa, não existiu. No final, a partida, válida pelo jogo de ida das semifinais da Parazão 2021, terminou em 1 a 1.

“Essa é a primeira vez que falo para a imprensa sobre arbitragem. Foi a primeira vez que perdi meu controle. Não estou em Belém para passear, vim trabalhar. A gente trabalha demais. Nosso grupo de atletas, comissão técnica, trabalha muito sério, temos uma torcida apaixonada”, disse.

“Um lance muito duvidoso. Quando vi na televisão, achei que a falta foi bem fora da área, sem dúvida nenhuma. Aquele foi um lance capital”, lamentou Bonamigo.

O lance do pênalti ocorreu aos 32 minutos do primeiro tempo, logo após a parada técnica, quando o Remo já vencia por a 1 a 0. O atacante tunante Fabinho foi lançado na esquerda e sofreu um toque por trás do lateral azulino Wellington Silva. O árbitro interpretou que o toque foi dentro da área e marcou a penalidade máxima, que Léo Rosa cobrou e marcou o gol de empate da partida.

“A partir daquele momento, caímos de performance, no final do primeiro tempo. No segundo tempo voltamos bem, mas nos 15 minutos finais do jogo, a disputa ficou equilibrada. Queríamos a vitória, mas vamos valorizar a equipe da Tuna, que lutou e correu bastante”, apontou Bonamigo.

Tuna e Remo fizeram um bom jogo no estádio do Souza. Ambos os times vieram com posturas ofensivas para o jogo, mas quem aproveitou melhor as chances no começo foi o Remo, que abriu o placar com Anderson Uchôa, aos 19 minutos de partida. Na segunda etapa, o Leão foi superior, criou mais chances, levou mais perigo, mas parou em uma atuação de gala do goleiro tunante Gabriel Bubniack.

Bonamigo também comentou a boa atuação do arqueiro cruzmaltino e afirmou que as defesas foram decisivas para o resultado. Apesar disso, o técnico do Remo acredita que o Leão merecia uma “sorte melhor”.

“Foi um jogo bem competitivo, decidido em cima de detalhes. No âmbito geral, acho que o Remo merecia uma sorte maior dentro do jogo, pelas chances criadas. Tem dias que a bola não quer entrar. Mérito também do goleiro, que fez boas defesas”, reconheceu.

Bonamigo criticou o gramado do estádio do Souza. Segundo ele, o campo de jogo irregular não pode ser entendido como uma “desculpa” para o empate, mas que a grama teria comprometido a atuação de jogadores mais técnicos de ambas as equipes.

“É difícil finalizar, tanto para nós, quanto para a Tuna, em um campo irregular. Ele facilita muito o erro, permite erro de gol, erro de passe. Infelizmente, temos que superar isso e manter a equipe equilibrada. Temos na quarta-feira (12/05) mais 90 minutos dentro de casa, em um campo que estamos acostumados a jogar”, concluiu.

Remo e Tuna voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira (12/05), pela partida de volta das semifinais do Parazão. Em caso de novo empate, a vaga na final será definida nos pênaltis.

Globo Esporte.com, 09/05/2021

17 COMENTÁRIOS

    • Ele não deu “desculpas”, como você disse. Ele apenas falou a realidade. E está certo em cada detalhe do que falou. O pênalti não existiu; o campo é, sim, irregular, e atrapalha, sim, a atuação de jogadores com apuro técnico superior. Bonamigo não dá “desculpas” pra torcedor igual a vc. Ele falou a realidade, e o Remo merecia, sim, melhor sorte no jogo. A Tuna, apesar de ter tido algum ímpeto ofensivo, praticamente em nenhum momento conseguiu levar perigo real ao Remo, graças à defesa muito bem postada (méritos do Bonamigo e da melhora no setor que cobre a defesa, além do crescimento individual da nossa dupla de zaga). O time do Remo é, de longe, o melhor time do campeonato, tem um elenco muito bom, dentre os times que irão disputar a Série B, está entre os de maior aproveitamento, tem um técnico inteligente, trabalhador e competentíssimo… e mesmo assim ainda tem “torcedor” chato que vem reclamar. Pqp…!

    • Bonamigo não dá desculpas dá aula de futebol. Infelizmente nem todos tem a capacidade de aprender o que ele ensina. Mais infelizmente ainda, os mesmos que não entendem ecoam insipidamente cobranças equivocadas.

  1. Qro ver mais intensidade e volume de jogo digno de um time tecnicamente superior, mais entrosado!! Não vejo isso !

    • Eu vi superioridade, sim. Quantas defesas difíceis o Vinicius fez e quantas o goleiro da Tuna fez? Nem todos os dias as bolas entram!

    • Eu vejo. E 90 % da torcida do Remo também vê. Você provavelmente não deve ter uma capacidade de percepção muito apurada (deve ser um daqueles torcedores chatos que criticam de forma gratuita e sem fundamento, mas que não tem a menor noção de futebol) mas… a Tuna, apesar de ter tido algum ímpeto ofensivo, praticamente em nenhum momento conseguiu levar perigo real ao Remo, graças à defesa muito bem postada (méritos do Bonamigo, que sabe postar o time, e da melhora no setor que cobre a defesa, além do crescimento individual da nossa dupla de zaga). E temos que levar em conta que o jogo foi no sol escaldante de 10 horas da manhã, o que impacta muito no preparo dos jogadore. O time do Remo é, de longe, o melhor time do campeonato, tem um elenco muito bom, dentre os times que irão disputar a Série B está entre os de maior aproveitamento (a despeito do nível técnico do Paraense), tem um técnico inteligente, trabalhador e competentíssimo… e mesmo assim ainda tem “torcedor” chato que vem reclamar.

  2. Maior adversário do Remo nesse campeonato é a FPF e seu time de árbitros e não é nenhum clube. Vão querer tirar o Gedoz e o Lucas Siqueira, peças chaves no time do Remo, de um dos jogos da final, diante da maior chance do Remo passar. Ambos já tem dois cartões e acho que todos por reclamação, ou seja, era o único pretexto não tendo faltas que justificassem. Claro que não subestimamos a Tuna, tudo é possível, mas o time do Remo é melhor.

  3. Calma galera… time ta invicto, goleou a mucura, faturou alto na Copa do Brasil… na hora H ta correspondendo. Não dá ser pra ser um trator todo dia. Se fosse assim nem o Santos vice da libertadores prestava pq foi mal no Paulista e quase rebaixou!

  4. A diretoria do Remo tem que ecigir exame anti dopping, no próximo jogo! Como explicar a correria dos jogadores da Tuna durante os 90 minutos, sob um sol escaldante e sem cansarem! Estranho!

  5. O torcedor tem que entender que não existe nenhum time no mundo que só vive de vitórias. Os adversários tem seus méritos e qualidade também. Paciência meus amigos! O Leão vai vencer o jogo da volta, se Deus quiser!

    • É verdade Mário Sérgio. Festejamos os gols do nosso time, elogiamos o oportunismo dos atacantes que fazem os gols, mas quando o Remo é pega o gol, mesmo vencendo os jogos, o zagueiro não presta. Se o Vinicius defende é porque é um paredão, se o goleiro adversário defende as bolas, são os os atacantes do Remo que não prestam. Onde já se viu um time ter vitórias sempre ou uma defesa não pegar gol?

  6. A Diretoria do Clube do Remo, que esta a procura de Zagueiros para melhorar o sistema defensivo do Leão do Norte. Porque não contratam o Zagueiro Dede da Tuna. Mostrou ontem que que e um bom Zagueiro.

Comments are closed.