Carlos Kila
Carlos Kila

A tradicional entrevista disponibilizada pela assessoria de imprensa do Remo depois dos jogos, neste sábado (23/01), não foi de um membro da comissão técnica. Quem falou foi o executivo de futebol do clube, Carlos Kila.

Antes de comentar a derrota por 5 a 1 para o Vila Nova (GO), no jogo de ida da final da Série C do Brasileirão, o profissional destacou o ano de 2020/21 do Leão, que teve como auge o acesso à Série B.

“Queríamos destacar a temporada do Clube do Remo, o planejamento feito desde o início. Dizer que os nossos objetivos principais traçados foram cumpridos. Conseguimos o acesso, inclusive vencendo o nosso adversário (Paysandu) duas vezes. Isso demonstra que o planejamento foi no caminho correto”, disse.

Em seguida, Kila falou especificamente do confronto diante do Vila Nova (GO), realizado em Goiânia (GO). O executivo eenfatizou que os desfalques por Covid-19, que atingiu jogadores e comissão técnica do Leão, além das lesões, foram decisivos para o resultado negativo longe de Belém.

“Chegamos à final. Gostaríamos de chegar nesse jogo em uma condição melhor. Tivemos a perda de 13 jogadores, vários membros da comissão técnica. Quem colocou o time em campo foi o preparador físico (Renan Capra) e o treinador de goleiros (Juninho Macaé). Qualquer grupo sente bastante isso, repercutiu muito dentro de campo”, lamentou.

Para garantir o título da Série C, o Remo tem que vencer o Vila Nova (GO) por 5 gols de diferença no próximo sábado (30/01), a partir das 17h, no Mangueirão. Para levar às penalidades, o resultado favorável aos azulinos precisa ser de 4 gols de diferença. Carlos Kila afirmou que a missão do time é conseguir uma vitória em casa, mas não entrou em detalhes sobre o placar.

“Temos por objetivo, nesse último jogo, ganhar. É fundamental. O grupo está determinado, temos a volta dos profissionais da comissão técnica, a grande maioria, assim como a maioria dos jogadores. É o que temos para colocar ao nosso torcedor neste momento”, concluiu.

Globo Esporte.com, 23/01/2021

38 COMENTÁRIOS

  1. Achei que o vexame da final da copa verde que perdemos p Cuiabá nunca, mas nunca fosse se repetir na história do remo , mas prece que a lição do passado não foi aprendida e novamente fomos humilhados numa final de campeonato….vexatório isso!!!

  2. Bonamigo, tem que sentar e pedir reforços para a Serie B, no minimo 12 jogadores de qualidade, entre eles uma dupla de Zagueiros de qualidade, porque este ano tivemos muita dor de cabeça e raiva! ER Bhama obrigado pelos seus serviços, vc se tornou um jogador sem velocidade e anda no campo, infelizmente futebol e assim(preparo fisico, velocidade e fundamental no futebol moderno)

  3. Esse jogo serviu pra mostrar o que pode acontecer conosco, se não trouxerem jogadores com vontade de vencer! Remo não viu a cor da bola!
    Série B, 80% do elenco renovado urgente!

  4. NESSA CBF É SÓ SAFADO ERA PRA TER ADIADO O JOGO MESMO ASSIM NOS FOMOS PRO JOGO, ESSE ANTONIO CARLOS NUNES NÃO FAZ NADA PRA AJUDAR, AGENTE SABE O PORQUE ELE É MUCURA, SOU LEÃO ATÉ MORRER É SERIE B.

  5. Que vergonha. Se for pra chegar na final e fazer esse papelão era melhor ter só se classificado e deixado o londrina fazer a final. Espero que a diretoria abra o olho e não renove contratos com algumas perebas do elenco, se não essa série B vai ser bater e voltar.
    Tá maluco, esse lailson nem jogador dever ser considerado! Uma AMEBA!!!!

  6. Derrota vergonhosa,lembrou em muito o imperatriz,parecia um time amador contra um profissional e ficou claro que o Eduardo Ramos é um ex jogador profissional em atividade ,o acesso tirou a noção de quanto o time era limitado e no mesmo nível dos outros e mesmo muito desfalcado e sem reservas tentou encarar de igual o adversário completo e na casa deles,coragem de criança ou gente sem noção,entregamos praticamente de graça um título brasileiro por burrice e incompetência de profissionais que não sabem fazer a leitura do jogo,qualquer torcedor leigo notava que Eduardo Ramos não marcava e nem atacava(um jogador a menos)que o lado direito do time era uma avenida,que a zaga remista estava marcando errado,que o volante Rusch é fraquíssimo na marcação,que o zagueiro alemão não tem o mesmo nível de Jansen ou Fredson que Gedoz é um jogador comum e Tharles também e que Walace era para entrar jogando porra,quem foi o corno que escalou o atacante Eron e Eduardo Ramos e Gedoz no meio campo em uma partida de final de campeonato sabendo que ER é um preguiçoso,pois tem um péssimo condicionamento físico e Gedoz não é bom marcador,o Bonamigo mesmo em Belém não estava assistindo a partida e porque não ligou para o seu interino e mandou retrancar o time.

    • concordo cem por cento com seu comentario, e acrescento mais, o NETAO é tecnico porque mandaram um praparador fisico?

    • Fiquei comentando aqui nesse espaço e demonstrei minha insatisfação com o resultado como muitos Remistas apaixonados que escrevem aqui. Entretanto, estava pensando aqui. Pô! As condições que antecederam o jogo foram dificílimas. Pensando melhor, Flamengo, São Paulo que estão disputando o Brasileiro A pegaram goleadas em jogos decisivos, porque condenarmos o Remo por essa derrota com as dificuldades que se teve. Então, já manifestei minha chateação, mas passou. Agora é valorizar a conquista que se teve, que foi grandiosa. Não vamos esmorecer. Temos motivos de sobra para exaltar nosso Glorioso Clube do Reno. Vamos ganhar na sábado. Golear é difícil, mas não é impossível. Vamos Remo! Vamos Leão Azul!

  7. Derrota vergonhosa,lembrou em muito o imperatriz,parecia um time amador contra um profissional e ficou claro que o Eduardo Ramos é um ex jogador profissional em atividade ,o acesso tirou a noção de quanto o time era limitado e no mesmo nível dos outros e mesmo muito desfalcado e sem reservas tentou encarar de igual o adversário completo e na casa deles,coragem de criança ou gente sem noção,entregamos praticamente de graça um título brasileiro por burrice e incompetência de profissionais que não sabem fazer a leitura do jogo,qualquer torcedor leigo notava que Eduardo Ramos não marcava e nem atacava(um jogador a menos)que o lado direito do time era uma avenida,que a zaga remista estava marcando errado,que o volante Rusch é fraquíssimo na marcação,que o zagueiro alemão não tem o mesmo nível de Jansen ou Fredson que Gedoz é um jogador comum e Tharles também e que Walace era para entrar jogando porra,quem foi o corno que escalou o atacante Eron e Eduardo Ramos e Gedoz no meio campo em uma partida de final de campeonato sabendo que ER é um preguiçoso,pois tem um péssimo condicionamento físico e Gedoz não é bom marcador,o Bonamigo mesmo em Belém não estava assistindo a partida e porque não ligou para o seu interino e mandou retrancar o time. E substituir os sanguessuga e colocar os garotos da base que no mínimo correria mais que alguns profissionais desse time,levamos uma goleada de graça.

  8. Começamos a perder o campeonato com a atitude irresponsável de todos os envolvidos (jogadores e torcedores) que desrespeitaram as medidas de segurança contra a pandemia e foram comemorar na doca. A partida de ontem também nos faz pensar o quanto a equipe do Imperatriz sofreu dentro da competição em vários jogos que tiveram que fazer desfalcados de seus jogadores e resultou em problemas internos de outra ordem, comprometendo completamente o desempenho daquele clube ao longo da competição. Agora, definitivamente, que isso sirva de exemplo para a diretoria do Remo, para que fatos como esse não se repitam. Saudações azulinas!!!

  9. Senhor executivo de futebol escute os torcedores desses atletas que estão no atual plantel do clube deverão permanecer: Vinicius, Jansen, Marlon, R Luz, Charles, L. Siqueira, Wallace e Salatiel, o Hélio não fez acordo e deve mesmo deixar o remo, o restante é dar uma vasourada e mandar embora o que eles tinham dar já deram agora é agradecer e desejar que sejam felizes em outros clubes. Mas tenham muito cuidado nas próximas contratações para não contratar de novo um bando de pernas de pau, série B não é série C, se não tiver um bom elenco cai e volta para a C de novo. Pense nisso.

  10. O trabalho da diretoria não pode ser esquecido, conseguimos um acesso perseguido às duras penas por anos, mas, um erro capital, nos expôs a uma goleada que não foi surpreendente, visto que, fomos goleados pelo Cuiabá em 2015, após ganhamos também por goleada. Fomos goleados pelo Brusque, ano passado, jogo também de televisão, e agora novamente pelo Vila. Coincidência? Não, não é. Lembro que na época do Cuiabá, alguns torcedores que foram à decisão na capital matogrossense, e se hospedaram no mesmo hotel em que o elenco ficou, comentaram da farra feita por jogadores e diretoria, o que teria desfacelado o time para a decisão, resultado, perda de um título “certo” e uma vergonha nacional (não posso afirmar que foi verdade a farra, mas ouvi da boca de um torcedor). Agora, e dessa vez não tivemos dúvida porque se tornou pública a comemoração, parte do tive se expôs a uma doença que assola o mundo com uma pandemia, resultado, parte do time infectado, praticamente a perda de um título e com certeza mais uma vergonha nacional. Foi culpa da diretoria? Na maior parte sim. Embora o presidente (que estava com covid e pneumonia) não tivesse mandado os jogadores pra lá, poderia na figura dele ou de alguém designado por ele, sabendo da possibilidade de classificação ao final da noite, ter marcado um jantar numa churrascaria ou qualquer outro lugar, num lugar restrito para eles, com os devidos cuidados, para confraternizar pelo acesso. Ou, caso nada fosse antecipadamente previsto e marcado, os jogadores que foram no domingo à doca, deveriam na segunda terem sido isolados, não entrando em contato com os demais. O Bonamigo que não foi pra doca pegou, porque alguém que se contaminou, o transmitiu. Seria algo simples e planejado, relativamente fácil de ser contornado, mas faltou perspicácia. Prepararam um belo banquete, mas deixaram o prato principal azedar, nos restou comer as entradas…são dois exemplos, diretorias diferentes, mesmo resultado. Espero francamente que aprendam.

      • O clube do remo precisa entender que títulos mudam o patamar de um time. Acesso passa títulos são eternos !
        Quarta feira se nao mudar a mentalidade e outra vergonha na copa Verde.

        • Também nunca entendi do Remo fazer “papelão” em decisões importantes. Parece que os jogadores se acovardam. Não acreditam. Tem que fazer um trabalho no jogador que chega contratado de que ele está ingressando em um Grande Clube brasileiro, Maior do Norte e com a maior torcida do Norte. O profissional precisa internalizar da responsabilidade que é jogar no Clube do Remo. O sujeito não está jogando para alguns clubes do interior de São Paulo que quando lota estádio com sua torcida põe, no máximo, cinco mil pessoas. Rapidamente, recordando são acúmulos de situações vexatórias como essa ao longo dos anos, em que perdemos com placar dilatado. Sem muita precisão tentarei resgatar, salvo engano. Remo x Uberlândia, decisão de um série B ou acesso, Remo x Gama, ou outro time de Brasília, decisão de acesso, Remo x Rio Branco, ou outro do Acre, decisão de uma Copa Norte, Remo x Cuiabá, decisão Copa Verde, e mais esse jogo. Ok que tiveram problemas da contaminação, lesões. Pô! 5×1 foi demais. Quando o Remo vai entender que tem uma torcida que também quer títulos. Pô! Títulos são importantes para história do clube. Ok. Estamos felizes e gratos pelo acesso que não vinha a muitos anos. Perder decisões também acontecem, afinal um tem que ganhar, mas dessa forma, goleada, e de novo. É de se entristecer mesmo. A torcida tem esse direito de reclamar.

      • No futebol comercial de hoje em dia, imagino que os jogadores azulinos brigaram apenas pelo acesso, pois o mesmo deverá lhes garantir uma melhor renovação de contrato ou a assinatura com agremiações que lhes paguem mais. Com o acesso garantido, a conquista da taça, em si, tornou-se um mero detalhe para a maioria deles.

        Aproveitando a msg, sempre tentei entender os motivos daquela derrota para o Cuiabá, mas essa informação da farra no hotel apontada pela Gilmessi77 (embora sem comprovação oficial, como a própria deixou bem claro) pode de fato ter contribuído para a derrota do nosso time…

        Sofrendo aqui em Campo Grande-MS por esse Leão…

  11. Não adianta o Kila justificar após fato consumado, a direção tem que assumir a responsabilidade na perda desse título da forma como foi.

    Mas ficou claro após esse jogo contra o Vila Nova que muitos jogadores do atual plantel do Remo não tem condições de jogar numa série B, aliás só vejo aproveitáveis 6 experientes do plantel atual: Vinícius, Luz, Fredson, Jansen, Lucas e Salatiel. Além dos moleques Hélio, Walace, Ronald, Warley e Keven por terem potencial. Demais jogadores pode mandar embora e contratar bons jogadores da série C, posteriormente trazer escolhidos a dedo alguns poucos jogadores diferenciados para formar um plantel competitivo, sem onerar o orçamento financeiro previsto para 2021.

    O ideal é ter 3 jogadores para cada posição de linha e 5 goleiros, significando no máximo uns 35 jogadores no plantel para a série B.

    Eu tenho dúvidas se o Kila e a diretoria atual de futebol tem condições para analisar, indicar e contratar bons jogadores a peço viáveis ao Remo para jogar a B. Espero que tenham aprendido e não cometam as lambanças que fizeram em 2020 na formação do plantel.

  12. Certos jogadores parece que continuam cultivando ideias passadas como primordial. Enquanto os jogadores do Vila estavam mostrando empenho máximo, mostrando serviço, agora a vitrine ficou maior e melhor, os do Remo estavam de birra. Bom, pelo menos este jogo foi pedagógico, mostrar ao Remo o que ele precisa, espero eu.

  13. Eu acredito que poderíamos ter usado a estratégia do Mazolla. Colocava um time todo na retranca e esperava o contra ataque. Podia até perder, mas de pouco. Aqui, já com todo mundo e em casa, a gente detonava o Vila.

  14. cade os muleques da base é uma vergonha ficar com esses jogadores velhos e que so tem preguiça esse meio campo uma merda esse ruch onde acharam esse cara esse gol uma vergonha o cara mata bola no peito e faz o que quer por mim ele nem voltava pra belem

  15. O Remo precisa ser dirigido como empresa se não vai continuar esse relacionamento com sua torcida, uma severgonice e haja dor, decepção!!!!

  16. Pela série A na 29ª rodada deu Corinthians 5X0 Fluminense e pela 10ª rodada deu Fluminense 2X1 Corinthians. Vejam que que não parece normal um Time perder fora de sua cidade por 5X0 para um Time que venceu por 2X1 na sua cidade e durante a mesma competição. Faz parte do jogo porém não será normal o Leão ganhar de 4X0 o Vila no jogo de volta já que perdeu de 5X1 no jogo de ida, porém pode acontecer uma vitória do Leão por 4×0 ou 5×1 ou 6X2, não será normal porém estes resultados absurdos acontecem e faz parte do Jogo. O mais interessante é que atualmente o Fluminense está na frente do Corinthians, o Flu é o 8° e o Corinthians é o 10º. O Meu palpite em Belém será Leão 6X2 Vila Nova e a decisão vai para as penalidades.

  17. Lailson e Heron duas merda…como é q uns homens desses conseguem ser jogador profissional, pelo a mor de Deus.

  18. Pela série A na 29ª rodada deu Corinthians 5X0 Fluminense e pela 10ª rodada deu Fluminense 2X1 Corinthians. Vejam que que não parece normal um Time perder fora de sua cidade por 5X0 para um Time que venceu por 2X1 na sua cidade e durante a mesma competição. Faz parte do jogo porém não será normal o Leão ganhar de 4X0 o Vila no jogo de volta já que perdeu de 5X1 no jogo de ida, porém pode acontecer uma vitória do Leão por 4×0 ou 5×1 ou 6X2, não será normal porém estes resultados absurdos acontecem e faz parte do Jogo. O mais interessante é que atualmente o Fluminense está na frente do Corinthians, o Flu é o 8° e o Corinthians é o 10º. O Meu palpite em Belém será Leão 6X2 Vila Nova e a decisão vai para as penalidades.

    • Meu amigo nada de decisão pelos pênaltis, o Remo tem que fazer 5 gols e não sofrer nenhum, ou seja 5×0, pelo atual nivel técnico atual do Remo de péssima qualidade será uma missão impossivel.

  19. esta derrota nao maculou a classificação …espero que a diretoria contrate ao menos 7 jogadores de 1 divisão bons , fortes e de boa conduta

  20. Se inspirem no futebol argentino, independente das dificuldades, um jogo nunca está perdido, eles só desistem quando o juiz apita o final do jogo.

  21. Quero saber de contratações e a lista prevista de dispensa,pois é nítido que tem jogadores que nem de longe tem condições de disputar uma série B,tem que ser pra ontem,Fabio Bentes precisa decidir logo.

  22. É fato. O reserva recebe para estar preparado para entrar jogando tão bem quanto o titular afastado, senão, não merece fazer parte do clube. Também, sabemos, uma vitória é motivo de grande comemoração, mas não dá pra aceitar essa irracionalidade antes da decisão de um título de um campeonato brasileiro. Agora, é acabar a série C e demitir os que não merecem ficar(sem apadrinhamento) e vasculhar metodicamente novos profissionais, competentes e responsáveis. Sendo que terá de haver ao menos uma contratação de um jogador de nível acima da média para restabelecer o respeito ao time na Série B.

Comments are closed.