Neto Baiano
Neto Baiano

Contratado para ser o “homem-gol” do Remo na reta final da Série C e da Copa Verde, o atacante Neto Baiano fez uma análise da própria passagem pelo time azulino, que não conseguiu alcançar o objetivo principal do ano (acesso à Série B), mas que ainda está na luta pelo título inédito da Copa Verde.

Aos 36 anos e com um currículo com passagens por CRB (AL), Criciúma (SC), Sport (PE) e Vitória (BA), Neto Baiano falou da desclassificação na Série C, do momento que vive o Remo, além da expectativa de conquista da Copa Verde.

Com 6 jogos com a camisa azulina e 1 gol marcado, o jogador fez uma auto-análise do desempenho frente ao ataque azulino e se cobrou bastante pelo momento que passa no clube.

“Fiquei devendo gols, mas em questão de entrega dentro de campo, fui 100%, ao máximo mesmo. Queria ter feito mais gols, ajudado mais, pois um jogador nunca pode estar satisfeito. Meu planejamento para vir ao Remo era de subir de divisão. Essa minha passagem não coloco como excelente, mas de muita luta e, acima de tudo, muito aprendizado”, disse.

A saída precoce da Série C mexeu com o elenco do Remo, mas Neto foi categórico ao afirmar que não há tempo para lamentações, porque existe uma competição em curso e porque há um planejamento iniciado para a temporada de 2020.

“É ruim ser desclassificado. O grupo sentiu, não podemos negar isso, já que o nosso objetivo era subir para a Série B. O time do tamanho que é o Remo não pode estar na Série C. Tudo isso serviu de lição e agora é botar a cabeça no lugar, pensar que em 2020 teremos uma obrigação enorme de subir o Remo. Ano passado, o clube brigou para não cair e hoje brigou lá em cima, então tudo isso leva a crer que temos que melhorar a cada a ano”, comentou.

O jogador não jogou a toalha e disse saber da importância que a Copa Verde possui na vida do clube, não só pelo título, mas pelo gás financeiro que a competição pode injetar no Leão.

“Existe um campeonato que pode trazer benefícios financeiros ao clube, que coloca o Remo nas oitavas da Copa do Brasil, além de um título que o clube não possui. Qualquer competição que entro em campo é importante. A Copa Verde se tornou o título mais importante do ano. Time grande é necessário sempre pensar grande”, falou.

O título regional garante vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil, o que representa o recebimento de R$ 2,5 milhões no ano que vem somente em cota de participação na competição nacional.

Rodado no futebol, Baiano não negou que foi uma temporada abaixo da média. O jogador fez projeções para 2020 e espera que seja um ano de conquistas com o clube. Em campo, Neto avisa que a garra e espírito de luta não irão faltar.

“Em 2020, espero que Deus possa me abençoar. Esse ano foi o ano que fiz menos gols em toda a minha vida. Espero voltar a ser o que sempre fui, ter médias de gols grande, pois por onde passei foi assim e espero que se repita no Remo. O que posso garantir é que não vai faltar luta, garra e que espero encanar o espírito da torcida do Remo em mim”, finalizou.

O Liberal.com, 08/09/2019

7 COMENTÁRIOS

  1. Pra esse Neto Baiano falar alguma coisa, primeiro manda ele dizer pra que veio, porque até agora… NADA!

  2. Vcs tão de sacanagem com o torcedor neto baiano e muito ruim tá a milhas de ser o hom gol já era pra ter ido com os dispensados os meninos da base são mil vezes melhores que esses perna de pai que ainda estão ai

  3. amigo qual e o atacante que faz gol se a bola que ele pega quando nao e chutao e bola quadrada voces air me digam qual foi a bola que ele pegou de cara e nenhum jogos o baiano e jogador de area tipo bira e alcino e eu fui todos os jogos e nao vi acontece isso o remo precisa contrata o polaco esse sim deixa os atacante na cara do gol ok

    • Concordo com vc. Ano passado o Neto Baino fez muitos gols pelo CRB, certamente não desaprendeu e que a bola não chegar.

  4. O PSC fez 18 gols na Primeira Fase da C o Leão fez 19 gols, o PSC sofreu 11 gols na Primeira Fase da C o Leão sofreu 14. O Leão teve melhor rendimento no ataque porém foi pior do que o PSC na Zaga, Vejam que o Leão tem tudo para avançar na Copa Verde. Para ser campeão da Verde terá que dar uma chacoalhada na Zaga. Se o ataque aumentar a média de gols o Leão também poderá ser campeão da Verde porque poderá ganhar o Título no saldo de gols, neste caso o Leão sofrerá muitos gols porém fará muito mais gols do que os nossos adversários, o Leão terá a pior defesa porém terá o melhor ataque, vejam que o Leão poderá ser campeão com a pior defesa.

    • Também concordo com o Paulo Gomes! Já falei e repito, o REMO pode trazer até o Cavani, mas se o cara não receber a bola em condições de finalizar não adianta nada! Pior que esse *erro* vem se repetindo todo ano!

Comments are closed.