Mangueirão
Mangueirão

A próxima segunda-feira (11/02) será um dia decisivo para as torcidas de Remo e Paysandu. Não se trata de um jogo importante, mas a liberação da capacidade do estádio Mangueirão para o Re-Pa do próximo dia 17/02, válido pela 4ª rodada do Campeonato Paraense.

Depois de ser liberado para o jogo entre Remo e Tapajós, com capacidade reduzida para 22 mil torcedores por conta do isolamento do lado A das arquibancadas, as autoridades vão receber laudos de segurança da praça esportiva e decidir pela liberação da capacidade de 35 mil torcedores ou manter a atual condição.

“Serão nos informados os laudos complementares ou novos laudos do Mangueirão e os documentos serão entregues para apreciação. Depois, o Ministério Público dará o seu parecer sobre a condição do estádio”, disse o promotor do MP, Domingos Sávio.

A expectativa é de que o Mangueirão seja liberado para sua capacidade máxima após as obras emergenciais feitas no estádio depois do episódio onde parte do teto de uma das arquibancadas caiu, no inicio de janeiro.

Diário Online, 09/02/2019

1 COMENTÁRIO

  1. Na verdade um RExPA é o Clássico rei da Amazônia e em relação ao Brasil e ao mundo é o Clássico disputado o maior número de vezes. É um campeonato a parte, não tem favorito, hoje o Leão está na frente deste campeonato porque tem o maior número de vitórias. ou o Leão cresce mais uma vitória ou o Payssandú diminui está diferença ou fica tudo como está, caso o duelo seja empate. Não resta dúvida que é o maior espetáculo futebolístico do Pará, como sou Leão de coração minha aposta é Leão 2×1 Payssandú, se baixarem o valor do bilhete o mangueirão não terá lugar para as torcidas principalmente para a do leão que está embalado por uma vibrante vitória sobre o Independente de 4×0.

Comentários