Carlos Kila
Carlos Kila

Durante a apresentação do técnico Rafael Jaques, nesta terça-feira (03/12), o executivo de futebol azulino Carlos Kila explicou que dos 28 a 30 jogadores que formarão o elenco remista, pelo menos 8 serão oriundos da base ou contratados dentro do futebol regional.

Ele e o novo treinador confirmaram que após o Parazão haverá uma avaliação do grupo para que novos contratados cheguem, para reforçar o elenco visando a disputa da Série C.

“Quando acabarem os campeonatos regionais, há uma possibilidade melhor de contratação, até mesmo por um custo menor”, disse Jaques.

“Teremos 8 jogadores entre a base e atletas que vimos no futebol regional. Quem for contratado, será para jogar o Campeonato Brasileiro, não só o Estadual. Ao final do Parazão, faremos uma avaliação de quem correspondeu ou não”, completou o executivo.

Kila elencou as características procuradas pelos dirigentes e a comissão técnica para fechar o elenco.

“Temos alguns cuidados na montagem do elenco. Aplicamos alguns filtros, como o atleta tendo feito 30 jogos, que se adapte à forma que queremos, além da questão financeira. Naturalmente, um ou outro não preenche todos os requisitos. Seriam apostas, jogadores que conhecemos e que podem corresponder”, afirmou.

Esse “um ou outro” deve ser o meia Robinho, que estava no Operário (PR) e teve seu nome confirmado pelo clube paranaense em um empréstimo ao Remo, embora não haja confirmação oficial por parte azulina. Robinho sofreu com uma lesão esse ano e jogou apenas 13 partidas, sem nenhum gol.

“Dentro dos filtros, ele tem experiência em Série C e atende alguns requisitos”, disse Kila, ainda sem confirmar a vinda do novo reforço.

Diário do Pará, 04/12/2019

Comentários