Eliandro e Moisés
Eliandro e Moisés

O inesperado desfecho da contratação do zagueiro Marcondes, que seria o 9º reforço do Clube do Remo para a Série C, mas acabou sendo vetado pelo Departamento Médico depois de apresentar problemas físicos, mantém na disputa por uma vaga na titularidade entre os jogadores Mimica, Moisés e Bruno Maia. O grupo ainda conta com Kevem, oriundo da base, para disputar a posição.

Embora Bruno Maia possa retornar para a sua posição de origem, já que Fernandes apareceu como opção para a lateral-esquerda, Artur Oliveira deverá continuar com a formação, uma vez que o defensor não demostrou condições físicas nos treinamentos dessa semana. Nesta quarta-feira (06/06), por exemplo, o zagueiro realizou uma movimentação à parte, devido à recuperação de torcicolo.

Com a dúvida de Bruno Maia e sem a sombra do novo reforço para a disputa na titularidade, Moisés garante o foco e o compromisso.

“Independente de qualquer coisa, temos um grupo forte. É difícil dizer isso quando os resultados não acontecem, mas o time está encaixando. O professor (Artur Oliveira) vai nos ajudar e quem for jogar, na zaga ou em outra posição, vai se doar ao máximo para vencer e buscar subir na tabela”, ponderou Moisés que, se confirmado na posição, irá para a sua 3ª partida como titular.

Uma das poucas unanimidades no grupo, o goleiro Vinícius pediu a paciência da torcida e garantiu que o momento da arrancada vai acontecer.

“É um jogo difícil e a gente sabe que com uma derrota lá, a gente vai para a ‘lanterna’. Chegou o momento de buscar uma vitória fora de casa, mais uma, e fazer um grande jogo”, explicou o goleiro.

“O professor Artur vem mudando a característica do time, com mais posse de bola, aproximação. Então, acredito que temos tudo para conquistar um resultado positivo que vai nos ajudar a subir e se distanciar o mais rápido possível dessa zona de rebaixamento”, completou Vinícius.

Artur deve montar o time no 4-5-1 para o jogo de sábado (09/06) com Vinícius; Nininho, Mimica, Moisés e Esquerdinha (Fernandes); Dedeco, Leandro Brasília, Everton, Rodriguinho e Rafael Bastos; Eliandro.

Diário do Pará, 07/06/2018

3 COMENTÁRIOS

  1. Temos que chutar em gol não só tocar bola pois temos que finalizar as oportunidades de gols

  2. Defesa tem que dar conta dos atacantes do outro time juntos com os cabeças de área só assim vamos chegar nos resultados

  3. Só nos resta acreditar em milagre e seja o q Deus quiser pq esse time já provou que é incompetente

Comments are closed.