CSA-AL domina Remo, vence e encaminha classificação na Série C

12/08/2017
CSA-AL 2x0 Remo

O CSA (AL) dominou o Remo e venceu com facilidade por 2 a 0, em jogo realizado no estádio Rei Pelé, em Maceió (AL), na tarde deste sábado (12/08). Os alagoanos abriram o marcador com Rafinha, em cobrança de falta, e ampliaram com Didira, já na reta final do confronto.

Com o apoio do torcedor, o CSA (AL) partiu para cima do Remo desde o começo da partida e chegou com perigo em várias oportunidades, com jogadas pelas laterais e, ainda, pelo meio. O maior volume ofensivo resultou em gol aos 35 minutos, em cobrança de falta de Rafinha. Antes de entrar, a bola ainda bateu nas duas traves.

O time alagoano permaneceu pressionando e marcou novamente, mas o zagueiro Thales estava em condição de impedimento. Ao Remo, restou esperar a famosa “uma bola”, como se diz no futebol. O time de Léo Goiano tinha dificuldade na transição e pouco perigo oferecia à meta do goleiro Mota.

Na volta para a etapa complementar, o Remo mostrou alguma evolução, mas ainda era pouco perto da efetividade do CSA (AL) no gramado. O time de Ney da Mata era mais consistente e, principalmente, organizado em todas as suas ações no jogo. Embora a equipe tivesse diminuído o ritmo, em suas descidas ao ataque sempre levaram perigo para Vinícius.

A reação do Remo, no entanto, não passou dos 10 minutos. Depois, o CSA (AL) tomou as rédeas da partida novamente, investindo com os alas e no meio. A grande atuação dos alagoanos foi confirmada aos 40 minutos, quando Didira aproveitou para ampliar: 2 a 0, placar final. O resultado deixou CSA (AL) muito perto da vaga à segunda fase da Série C, na liderança absoluta, com 27 pontos. O Remo permanece em 4º lugar, com 18 pontos, mas pode ser ultrapassado na rodada.

As duas equipes voltam a atuar pela Série C no próximo final de semana. Os alagoanos vão até Sergipe enfrentar o Confiança (SE), no sábado (19/08), no estádio Batistão. No domingo (20/08), a partir das 18h, o Leão recebe o desesperado Botafogo (PB), no Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão.

Globo Esporte.com, 12/08/2017

Deixe uma resposta