Marco Antônio Pina (Magnata)
Marco Antônio Pina (Magnata)

As eleições do Remo, marcadas para o dia 11/12 ou 12/12, deve ocorrer com candidato único. O advogado Marco Antônio Pina, conhecido como “Magnata”, que iria concorrer ao pleito, anunciou sua desistência na manhã desta terça-feira (03/11).

Até o momento, apenas a chapa da atual diretoria, liderada por Fábio Bentes, segue na disputa. Vale ressaltar que, até o momento, nenhuma inscrição foi confirmada na secretaria do clube. O prazo se encerra 30 dias antes do pleito.

O anúncio da desistência de Marco Antônio Pina foi feito através da sua conta nas redes sociais. Magnata afirmou que o atual momento do Remo uma eleição não seria salutar e que o clube precisa ter paz, principalmente nesta reta final de Campeonato Brasileiro.

“A instituição Clube do Remo sempre deve estar em primeiro lugar. Refleti bastante, principalmente nos dias em que fiquei sozinho, internado com Covid. Cheguei à conclusão que, hoje, o Remo não precisa de uma disputa eleitoral e, sim, de paz e crescimento. O clube está bem dentro de campo, evoluindo fora dele e teremos o Baenão de volta com iluminação”, comentou.

Magnata alegou ainda problemas de saúde, já que ele testou positivo para Covid-19, ficou internado e chegou a perder 15 quilos, segundo relatou. O agora ex-candidato disse que estará na torcida para que o Remo retorne à Série B do Brasileirão.

“Existe a questão da minha saúde. Ainda estou em recuperação da Covid, perdi 15 quilos e algumas sequelas ficaram. Então, tomei a decisão de não ser mais candidato a eleição do Remo. Todos estarão na torcida, depois de mais de 10 anos, de retornar à Série B e possui grandes chances. Acredito muito, que ele cresça em patrimônio, na Sede Social, em relacionamento com os sócios-torcedores, os associados”, declarou.

Por último, Magnata desejou sucesso ao presidente Fábio Bentes. O ex-vice-presidente da gestão de Zeca Pirão fez alguns pedidos ao mandatário azulino, como mais transparência e a volta de Paulinho Araújo, diretor da base azulina por anos, que saiu do clube na gestão atual.

“Desejo ao Fábio Bentes tudo de bom, desejo à sua diretoria toda a sorte do mundo e só peço algumas coisas: transparência total com as contas do Remo, é fundamental realizar uma auditoria séria para legitimar sua gestão; futebol de base, estruture a base, coloque pessoas que entendam e uma que está de fora é o Paulinho Araújo; por último, cumpra o estatuto e que ele seja respeitado”, pediu.

“Estou à disposição sempre para ajudar, como faço há mais de 20 anos, para ajudar, pois independente de qualquer coisa, somos Clube do Remo”, concluiu Magnata.

Na próxima sexta-feira (06/12), o Condel azulino irá votar em qual dia será a eleição no clube. O pleito está marcado para ocorrer no dia 12/12 (sábado), mas as autoridades sanitárias solicitaram que a eleição fosse realizada em dia de semana, para que não ocorram aglomerações.

De acordo com Manoel Machado, presidente da Assembleia Geral do Clube do Remo, os candidatos podem inscrever suas chapas na secretaria do clube na Sede social até o dia 11/11.

O Liberal.com, 03/11/2020

15 COMENTÁRIOS

  1. Graças a Deus que esse aproveitador desistiu de concorrer,esse magnata não passa de um incopetente que quer se promover as custas do Remo não passa de um dirigente que só pensa em se dar bem ,foi ele junto com o pirão que destruíram parte do Baenao,toma vergonha seu cara de pau e vai encher o saco na Curuzu.

    • Fábio Bentes poderia permanecer como um presidente compulsório e ficar na presidência por num minimo uns 10 anos até que aparecesse um candidato do mesmo gabarito ou melhor do que ele pois atualmente não tem nenhum para sibstituilo.

  2. Esse é um dos dirigentes que se acha dono do clube do Remo,cria vergonha na cara e some incopetente,junto com o pirão demoliu parte do Baenao.

  3. Fez ele muito bem. Talvez seja verdade, a situação em que estamos passando o fez pensar. Nem era pra ter se candidatado, mas já que o fez, desistiu.

  4. Como diz o Radialista Paulo Fernando: Mais um *Liso no futebol querendo se aproveitar do momento*

  5. Muito bom Magnata pela sua sensatez, todos estão vendo um clube evoluindo com a atual administração e com o melhor presidente que esse clube já teve, devemos sim unir forças e não criar partidarismo no atual bom e excelente momento que o nosso glorioso leão está vivendo. LEÃO RUMO A SÉRIE B. Todos unidos nessa causa.

  6. Ótima notícia, eu não confio no Magnata e nem nas figuras que o apoiaram nessa candidatura.

    Os verdadeiros remistas tem que se unir ao Fábio Bentes e o ajudar sem inferências. Assim afastar cada vez mais os sanguessugas que vivem do clube.

    Com o saneamento das dívidas e implantação de projetos de grandiosos que visam valorização patrimonial, o Clube do Remo logo voltará a ser grande como no passado glorioso.

  7. O homem de boa índoli, poucas palavras diz tudo o que ele quer dizer. Mais o de má índoli, muitas palavras lhe atrapalham mais ainda. Você fez certo na direreção certa. Venha e peça perdão por suas mentiras, não é feio. Jesus Cristo é o nosso Piloto de nosso Barco. AMEM

  8. O Homem tem que ser, Sim ou Não. Você estava com sua conciencia pesada e intranquila, pensou melhor, e ser Fiel ao que queremos para bem da pequena ou Grande Família como é do nosso Leão de Belém do Pará. Contribua mais ainda com seu amor por esta Família Azulina, pois temos Jesus Cristo como Piloto desta Família e Ele tudo sabe, Oculto e Escondido de cada um de Nós. AMEM

  9. presidente o sr tem que pensar em 2024, quando termina sua gestao. poderá dar continuidade. acho que não, entao quem o substituirá? nos deixa tranquilo. Um abraço. eneas CR

  10. Não sei se o estatuto permite, mas o Bentes poderia ser eleito logo por aclamação ou o quanto antes. Pois tem muitas coisas que ele não tá podendo fazer por serem prerrogativas da próxima gestão. Então ele tem que ser eleito e empossado o qu

    anto antes para dar continuidade aos projetos. Ainda mais com um calendário do futebol atravessando ano cível e mandatos diferentes .

  11. Essas palavras que ele diz agora de tirar a candidatura por “União”, não se deixem enganar. Ele fez isso porque sabia que ia perder feio e se queimar de vez… Tem pouco tempo e ele chamou o presidente Fábio Bentes, e a diretoria, de cagão quando perdemos o paraense. Disse que tinha era que gastar dinheiro na formação do elenco (dinheiro que o Remo não tem – mais um lunático). Esse cara busca trazer intriga pra dentro do Remo, só assim ele pode se promover

  12. Magnata, vá operar o direito e cuidar da saúde, e deixe nosso Leão em paz! Bentes pra prefeito de Belém!

Comments are closed.