João Brigatti
João Brigatti

Remo e Paysandu se enfrentam no sábado (05/12), às 17h, no Mangueirão, na última rodada da primeira fase da Série C. Com os dois times classificados para o quadrangular final, o confronto será para definir posições e em qual grupo os times vão ficar.

Apesar da possibilidade de ficarem juntos ser grande, o técnico bicolor João Brigatti disse que preferiria não enfrentar o Remo na próxima fase.

“As duas equipes estão bem preparadas. Possuem atletas de qualidade. Acredito em uma clássico equilibrado e quem aproveitar o erro do adversário, vai se sobressair. Não gostaria que na próxima fase a gente caísse juntos. Até porque nessa partida (Manaus-AM 0×2 Remo), se o Remo não vencesse lá e a gente tivesse que decidir nossa classificação e eles também, pode ter certeza que muita gente teria problema de coração”, disse.

“Em uma classificação no quadrangular, serão jogos mais pegados, ríspidos, mais disputados”, completou Brigatti, enumerando ainda quais são os prós e contras de estar no mesmo grupo do Remo no quadrangular.

“Se for estudar a tabela, dificilmente a gente vai escapar do Remo. Só tem um resultado, que é o Vila Nova (GO) ganhando e um empate entre nós para que possamos nos distanciar de uma chave para outra”, afirmou.

“Tem o fator positivo de cair com o Remo, que é a questão de logística, porque vamos fazer apenas duas viagens para fora de Belém. O restante será definido aqui no Mangueirão. Por outro lado, uma equipe pode matar a outra e isso é muito complicado, até porque as outras equipes vão estar só vendo o resultado entre nós”, apontou.

“É um clássico e não há favoritismo, qualquer resultado é normal, até pelo momento do Remo e do Paysandu, que é muito bom dentro da competição”, completou.

“Por outro lado, se cada um cair em uma chave, cada um segue sua vida e tomara que subam as duas equipes”, falou o técnico bicolor, explicando os motivos por torcer para que os dois times paraenses subam.

“Apesar de ser comandante do futebol do Paysandu, torço pelo futebol de Belém, para que seja forte. As duas equipes merecem, pelas duas torcidas que têm e estarem em melhor condição no cenário nacional. A rivalidade é saudável, tem que ser mantida, mas eles, a diretoria dos dois clubes, precisam deixar a rivalidade de fora, se unirem em prol do futebol do Pará. As duas torcidas não merecem nem Paysandu e nem Remo na Série C”, afirmou.

“Vou fazer de tudo, junto com os jogadores e com a diretoria, para ter o acesso do Paysandu e acredito que o Remo fará o mesmo”, concluiu.

O Leão volta a campo neste sábado (05/12), às 17h, para enfrentar o Paysandu, no Mangueirão. O jogo é válido pela 18ª rodada da Série C e terá transmissão ao vivo e exclusiva pela DAZN. Clique aqui para fazer sua assinatura agora e ganhe 30 dias grátis.

O Liberal.com, 30/11/2020

19 COMENTÁRIOS

  1. Não é uma boa para Remo e mucura caírem no mesmo grupo na próxima fase, pois a possibilidade de dois empates em REpa é mais provável. Seria como Remo e mucura já entrassem com menos 4 pontos, assim ajudará os outros dois clubes adversários do grupo.

    • Mas acredito que o Vila Nova irá perder para o Jacuipense e segurar o 4o lugar do grupo A para fugir do Santa Cruz na próxima fase. Se isso se confirmar, Remo e mucura ficarão em grupos distintos na próxima fase.

  2. É o que penso também, melhor cada um para um lado. Se todos empatarem (Rexpa e vila), a tabela não muda também.

  3. Vila nova não irá perder, pq perdeu jogo passado e a torcida já começou a pegar no pé dos jogadores e comissão técnica. E um empate no clássico pode ocorrer.
    Mas se, os dois caírem na mesma chave, o mais sensato seria uma vitória pra cada no clássico, e saírem pra vencer fora e dentro de casa contra os outros dois adversários.
    Tem possibilidade sim.
    Agora se forem dois empates, seriam um ponto a menos pra cada.

    • “Agora se forem dois empates, seriam um ponto a menos pra cada.”

      Caro Giovanni, essa tua afirmação acima está equivocada, pois se forem dois empates em REpa serão 4 PONTOS A MENOS para Remo e mucura, um prejuízo para os dois.

      • Caro Garra Azul. Saudações AZULINAS.
        Em caso de dois empates, seriam 2 pontos ganhos, em 6 possíveis. Portanto, seriam 4 pontos perdidos.

        • Exato Rafael, estamos corrigindo o Giovanni quando diz “Agora se forem dois empates, seriam um ponto a menos pra cada.”

  4. temos que ficar atento a esta declaração do brigao. de olho bomamigo, bem aberto. não devemos acreditar em uma so palavra. re x pa que seja bem vindo.

  5. Remo e Paysandu têm que se unirem, nesse momento, para o bem do futebol paraense. Melhor é que fiquem em grupos distintos. Diretorias dos dois clubes, devem “ficar de olho” no jogo de Vila Nova x Jacuipense. Como todos os jogos começam no mesmo horário, o ideal é que o jogo de VN x J, termine primeiro que o Re x Pa, dessa forma, fica mais viável se obter o resultado desejado. Para isso, prolongar o tempo de jogo da dupla Re x Pa é fundamental, e acredito que, jogadores e técnicos, sabem como fazer isso.

    • Os juízes estão sendo orientados a iniciarem os jogos ao mesmo tempo, incluindo o segundo tempo das partidas, para evitar atitudes antidesportivas de clubes que ficam 20 minutos nos vestiários só pra tirar alguma vantagem.

  6. Prefiro pegar a mucura, o grande problema azulino tem sido físico, evitar deslocamentos é o ideal, até pelo baixo rendimento do Remo em jogos fora de Belém! acredito sim em duas vitórias azulinas!

  7. O Santa Cruz embalado é o nosso pior adversário e eles ainda entregam jogo para nos prejudicar como fizeram contra o Manaus. É melhor ter o rival do que o Santa Cruz no grupo, até porque a federação pernambucana tem mais prestígio nos bastidores da CBF do que a FPF, o Vuaden que o diga. Se o Remo estivesse voando eu não me preocuparia com adversários, mas sabemos que não está.

  8. O Brigatti está equivocado na Análise Combinatória levando em consideração n° de vitórias e saldo de gols foram encontrados 10 resultados possíveis, sendo que 6 são favoráveis a dupla RE- PA ficarem em grupos distintos e 4 serem do mesmo grupo. Se o Remo vencer só ficarão em grupos separados se o Vila Nova perder. Se empatar o RE-PA de 4 resultados encontrados, levando em consideração o saldo de gol, 3 são favoráveis a dupla RE-PA ficarem em grupo separados, só ficam no mesmo grupo se o Vila Nova vencer o Jacuípense por diferença de 1 gol se vencer por diferença por mais de 2 gols, o Vila Nova ultrapassa o remo em saldo de gol. Se o Paysandu vencer o único resultado que não interessa a dupla RE-PA é o Vila Nova vencer porque ultrapassa o Remo em n° de pontos. É isso, façam as combinações.

Comments are closed.