Botafogo-SP não vai mais trocar garrafas pet por ingressos

21/10/2015
Botafogo-SP

Após 3 partidas seguidas com a troca de ingressos por garrafas pet, a diretoria do Botafogo (SP) anunciou que não contará com o projeto “Futebol Sustentável”, da Federação Paulista de Futebol (FPF) para a primeira partida da semifinal do Campeonato Brasileiro da Série D, diante do Remo, no estádio Santa Cruz, que acontecerá neste domingo (25/10), às 18h (horário de Belém).

Com valores de R$ 60 para a arquibancada coberta e R$ 40 para a arquibancada descoberta, o clube inicia as vendas nesta quinta-feira, 22/10, nas bilheterias do estádio. De acordo com o presidente do Pantera, Gerson Engracia Garcia, os preços foram definidos em uma reunião com a FPF.

Com a troca de garrafas plásticas por ingressos, o Botafogo (SP) levou ao seu estádio 17 mil torcedores na última rodada da primeira fase, contra o Gama (DF); depois, 19 mil diante do Crac (GO), no primeiro mata-mata; e 24 mil na partida pelas quartas de final contra o São Caetano (SP).

Mesmo sem a promoção, os torcedores do Botafogo (SP) que forem ao estádio com a camisa ou outro adereço do clube terão direito a pagar meia-entrada. Além disso, os sócio-torcedores, independente do plano, terão entrada gratuita. Os que possuem os planos Diamante, Ouro e Prata, poderão retirar 2 ingressos.

“Agora é hora do torcedor comparecer novamente ao estádio Santa Cruz, adquirir o seu ingresso e ajudar o clube neste momento tão importante”, afirmou Gerson Engracia Garcia.

Globo Esporte.com, 21/10/2015