Jogadores lamentam pela atitude de Edgar

14/07/2017
Pimentinha, Edgar e Eduardo Ramos

Desde que foi anunciado como jogador do Clube do Remo, no início da temporada, o atacante Edgar sempre foi motivo de polêmica. O atleta veio como uma das grandes contratações azulinas, mas também tinha vários atos de indisciplina no seu histórico.

Apesar disso, o atacante foi trazido para o Leão e deu bons frutos no início do ano. Foi autor de 2 gols no primeiro Re-Pa, quando o Remo venceu por 2 a 1.

Porém, nos últimos meses, o extracampo de Edgar acabou fazendo mais diferença do que dentro das quatro linhas. Nesta quinta-feira (13/07), o atleta saiu do treinamento mais cedo, a pedido do técnico Léo Goiano. O motivo teria sido a apatia do atleta na atividade. Foi então que o treinador conversou com ele e pediu para que se retirasse.

“Precisamos ver a grandeza do Remo. Todos que estiverem aqui devem servir o Remo, que é muito maior que qualquer treinador e atleta. Precisamos identificar os que querem muito, comprometidos, para levar esses valores para o jogo e que possamos valorizar”, afirmou Léo Goiano.

“Foi algo que aconteceu, não esperava. Ações que geram reações e a ação mais adequada era pedir para ele se retirar naquele momento do treino”, completou.

Bastante sereno, o técnico remista ressaltou que é preciso os ânimos se acalmarem para tomar decisões. Dessa forma, haverá uma conversa com Edgar para que alguma atitude seja tomada.

“Temos de fazer o que é melhor para o Remo. Não pode ser o que é melhor para mim ou para o atleta. Tem de ser o que é melhor para o clube. O que for melhor, será feito”, afirmou o treinador, que comentou ainda que recebeu a “ficha” de indisciplinas de Edgar, assim que chegou ao Baenão.

“Ele tem um potencial e queríamos explorar isso a favor do Remo, para que o Remo seja grande, como deve ser. Vamos avaliar bem, com carinho e critério, para que o melhor seja feito”, encerrou Léo Goiano.

A saída do atacante Edgar do treino pegou a todos de surpresa. Desde o técnico, até os jogadores. Alguns dos atletas mais experientes do Clube do Remo comentaram sobre o ocorrido. Para o meia Eduardo Ramos, Edgar é um excelente jogador e não deveria ter essas atitudes.

“Ele não é mais menino. Tento conversar bastante com ele, sei do talento e o quanto ele pode nos ajudar. A gente tem um comando e o Léo é um cara muito capacitado”, destacou. “Espero que tudo fique bem, que ele possa ficar bem e nos ajudar, porque é um excelente jogador”, completou o camisa 10.

“O treinador vai conversar com o Edgar. Não sabemos o que está se passando pela cabeça dele. Ele é um menino muito importante para o elenco e o grupo”, afirmou o volante Ilaílson. “Isso é mais conversa. Acho que nos próximos dias vamos sentar para conversar com ele. É um menino bom, que pode decidir e é muito importante para nós, pela qualidade que tem”, completou.

Diário do Pará, 14/07/2017