Duas metades de solução para o ataque remista

20/04/2017
Gabriel Lima e Nano Krieger

Ao formar o elenco para a temporada, o Remo apostou todas as fichas no argentino Nano Krieger e no paraense João Victor como goleadores. Krieger tem apenas 1 gol, em 5 jogos. João Victor, artilheiro da Segunda Divisão, com 9 gols em 6 jogos, defendendo o Castanhal, entrou em 2 jogos do Leão e ainda está zerado.

Recuperados de lesão, mas ainda sem condições físicas para 90 minutos, Nano Krieger e João Victor são as duas metades da solução para o ataque remista no jogo decisivo do próximo domingo (23/04), contra o Independente. Josué Teixeira terá um em campo e outro no banco, quando o time mais precisa de gols.

Eles alimentam esperanças, como homens de área, por terem características muito apropriadas à proposta de jogo. Afinal, o time azulino está planejado para pressionar e fazer a bola freqüentar a área do Galo Elétrico, apostando também em Eduardo Ramos (ou Jayme), Edgar e Gabriel Lima, que dependem do pivô para a execução das jogadas.

O Independente vai jogar nos erros defensivos do Leão, explorando contra-ataques, principalmente na velocidade de Magno. Para que o time remista não fique tão exposto, Josué investe em um sistema de 3 zagueiros e 2 volantes. De um jeito ou de outro, o fato é que o jogo será tenso e intenso, pleno de emoções.

Coluna de Carlos Ferreira, O Liberal, 20/04/2017